terça-feira, dezembro 31, 2013

2013 só acaba em Julho

A diretoria usou como desculpa o ano todo a falta do Beira Rio como uma das razões pelo pessimo ano e tambem parte de 2012 com o estadio semi destruido. E não deixa de ter uma certa verdade. Talvez com o Beira Rio usado normalmente teriamos acabado um pouco melhor no brasileirao, mas não acredito que teria sido o suficiente pra lutar por titulo ou ate vaga na libertadores.

Mas essa desculpa/razão só mostra o quanto essa copa nos custou. Sim teremos um estadio praticamente novo, mas o custo quase foi um rebaixamento. Ainda mais quando "tempestades perfeitas" se encontram. Nesse caso a falta do beira rio com um presidente incompetente. 

Não vamos esquecer que a data original de entraga do beira rio era no inicio de 2013. Mas luigi e AG levaram 11 meses parados pra resolverem seus conflitos. E só depois que a presidente do país interferiu. 

Mas o pesadelo não acabou mesmo que no ultimos meses essas celebracoes do novo beira rio tentem disfarçar. O fato é que alem de um teste aqui e ali o Beira Rio continuará fechado para nosso uso. 

Hoje a Diana Oliveira ex colunista do bv e hj vice presidente do clube disse que ela acha que só a partir de Março o estádio deveria ser usado (e provavelmente limitadamente). Como o estádio será entregue a Fifa em Maio e só devolvido no meio de Julho, basicamente o Inter só vai mesmo usar o estádio pra valer no setimo mês do ano. Até lá não sei quantas partidas no brasileirão teremos que jogar no interior mas o fato é que 2013 pra nós só acaba em Julho. E olhe lá. 

Então a torcida tem que cair na real. Pouco mudará nesses proximos meses e podem esquecer o Beira Rio por mais um tempo. Lembrando o tão celebrado slogan "A Copa é nossa!!" já o Beira Rio....só em Julho. 

Feliz ano novo a todos vcs. Obrigado pela leitura e participação. Assim que virar o ano vamos para o prêmio BV 2013. Fiquem ligados. 



Retrospectiva

O último dia de 2013 chegou, e com ele invariavelmente avaliamos tudo que se passou no ano que finda e mais importante, projetamos o ano vindouro.

2013 não vai deixar saudades aos colorados.

Apesar de um início promissor, a equipe caiu muito de produção e o resultado foi trágico.

No ano de maior investimento em futebol da história, o desempenho não foi condizente com o investimento e o saldo deixou muito a desejar.

Terminamos o ano sem uma zaga confiável, sem laterais, vendendo o atacante de nível de seleção e com um déficit na casa das duas dezenas de milhões.

Pior ainda, a tão propalada renovação começa de maneira trágica, com aquisição de reforços de qualidade questionável e manutenção de atletas de péssimo custo-benefício como Rafael Moura, Bolatti, Airton entre tantos outros.

A salutar, o imbróglio Andrade Gutierrez parece estar com os dias contados, apesar de a mesma estar atrasando a entrega da obra em pelo menos um mês e o clube aparentemente vai arcar sozinho com as consequências.

Para 2014, projeta-se mais um ano de muitas dificuldades, e seria no mínimo prudente não criar muitas expectativas quando tem-se Giovani Luigi na gestão.

Seus 4 anos foram um fracasso no que tange ao futebol e nada indica que 2014 vai ser diferente.

Por fim, uma pequena notinha de rodapé: o tão festejado e propalado marketing colorado encerra o ano em 7º lugar, dezenas de milhões abaixo do coirmão, como pode ser visto aqui: link

Ou seja, uma síntese da realidade do clube: MUITA grife, POUCO (ou quase nenhum) resultado.

Desejo a todos um excelente 2014, repleto de paz, saúde e muitas realizações pessoais, profissionais e afetivas.

Sds coloradas
@Davi_Inter_BV





segunda-feira, dezembro 30, 2013

Será que eles nos lêem?

A uns anos atrás, um pessoal que era assíduo aqui no BV descolou uma entrevista com o Fernandão, em video, exclusiva pro BV. Bah, o blog bombava! Todo mundo achando o máximo a entrevista, o fato do Grande Fernandão ter dado bola "prá nós". Aprendemos também o poder de um ar condicionado, mas esse não é o meu ponto.

Vira e mexe, o BV aparece referenciado em algum outro veículo da imprensa gaúcha. Seja no blog de algum jornalista, seja em algum programa de rádio, ou referenciado no próprio jornal impresso.

O próprio Louis (last but not least – BV dicas de inglês #487), com seu instinto empreendedor já conseguiu ótimas participações aqui no Blog. Já conversou com o Juca Kfouri, com alguns menos valiosos da imprensa gaúcha, com o presidente da FGF, entre outras personalidades que agora eu não consigo lembrar completamente. Também já entregou cópias dos filmes SLPTA e SLPTM prá muita gente.

O BV é conhecido!

Mas será que vem gente aqui que atua lá dentro do estádio (não só no campo)? Os jornalistas nós sabemos. Pautamos eles de vez em quando... Mas será que por exemplo, tem jogador nos lê? Será que algum não tem um perfil anônimo aqui, um fake da vida, e fica dando pitaco na escalação? Se isso acontece, não ajuda muito o fato de um punhado de ignorante falar mal da aparência da esposa de um, da família do outro… mas paciência né... é a maldita inclusão digital....

Bom, tudo isso prá dizer que eu acho que seria muito interessante o BV buscar a palavra de alguém que tenha participado do clube nos últimos anos. Muita coisa mudou nos últimos anos, muita história mal-contada, muita gente desagradada, muita decepção. Eu daria uma bala xaxá (olha a magnitude do prêmio - sério!) se alguém descolasse uma entrevista com um Falcão, um Fernandão, um Dunga, um Siegmann....


Seria muito interessante ouvir o que eles teriam a falar depois de tanta coisa que aconteceu. Também sei que é muito difícil algum deles querer se expor dessa maneira. Talvez uma entrevista anônima? Integridade aqui não falta da parte do dono do blog, então tenho certeza que ele respeitaria a identidade de um entrevistado que não quisesse se expor - por seja lá qual for o motivo.

O BV sempre ofereceu espaço as pessoas que foram mencionadas aqui. Muitas vezes o Louis afirma que o blog está aberto prá qualquer um vir aqui e "se defender", caso ache que tenha sido atacado. Os comentários são livres prá isso também. Mas infelizmente não vemos nada do tipo.

Entretanto, as pessoas que eu realmente gostaria de ouvir não são do tipo que precisariam nos procurar prá contar suas histórias. Todos estão muito bem com suas vidas, e o que aconteceu no Inter, imagino eu, não interfere com seus planos. Neste caso, acho que caberia a nós, que gostaríamos de ouvi-los, buscar suas palavras.

Já disse que acho que seria praticamente impossível algum deles vir aqui de peito aberto e botar a boca no trombone. Agora, seria igualmente impossível uma entrevista anônima? Claro, sempre haveria suspeita em relação a autenticidade do material, mas isso prá mim não importa. Quem quer acreditar acredita, quem não quer, que vá tomar no meio do orifício final do sistema digestivo.

Fica a sugestão. Alguém aqui tem alguma forma de contato com pessoas que teriam algo interessante a falar sobre os últimos anos do Inter?




domingo, dezembro 29, 2013

Se UFC não é esporte, F1 é?

Em 1993 eu assisti os primeiros momentos do UFC. Royce Gracie era sensacional. Um magrinho brasileiro ganhando de um monte de caras 3 vezes seu tamanho. Naquela epoca fiquei facinado com o UFC. Eu e meus amigos assistiamos os combates como assistiamos grandes lutas de boxe.

Depois de alguns anos o UFC começou a perder espaço pois era mal organizado e tambem varios estados Americanos proibiram que fossem praticados. Lá pelo meados/fim dos anos 90 o ufc praticamente desapareceu e eu praticamente esqueci de sua existencia, mas aqueles primeiros ufc ficaram na memoria. 

Quando ufc foi reorganizado por outros donos com novas regras implementadas como rounds (no inicio lutavam ate alguem perder!) o ufc começou a crescer novamente. Mas eu já não prestava atenção e num picar de olhos o UFC estava no ufc 100 e poucos. Eu assistia como o Inter faz seus negocios: "negocio de occasiao". Se eu tava na frenete de uma tv quando passava ou se era uma luta especial eu assistia, se não..nem ficava sabendo resultado das lutas. Tanto que mal acompanhei a carreira do Anderson Silva e acho que nem assisti sua derrota meses atras para Weildman. 

Mas uns dias atras começei a pesquisar essa luta de o tem e decidi assistir. Revi clips velhos dos dois e me atualizei pra luta. Estava bem informado em questao de algumas horas. 

Ontem depois de jogar um poker com uns amigos fui achar um bar que iria transmitir a luta. Fui com um amigo e achmos um Sports Bar perto de minha casa que iria passar a luta. Fazia tempo que não ia a um sports bar pra ver uma luta. 

Bom e ai sabemos o que aconteceu. O cara quebrou a perna e a luta terminou. Quase sempre quando me interesso por uma luta ela acaba em decepção anticlimatica. 

Mas agora to lendo em varios blogs (por exemplo juca e paulinho) que ufc nao é esporte e tal. Não só nos blogs como comentarios em sites. 

Eu até entendo que isso lembra os coliseus romanos onde milhares de pessoas vibravam com a morte de alguem em alguma luta. Coisa que hoje achamos estranho. Até entendo que isso não é lá muitttooooo diferente. Mas há diferenças. 

Mas o meu maior problema com esse tipo de comentário é aquilo que mais me incomoda na vida: hipocresia. Odeio hipocresia. 

Se o cara vai escrever que um esporte não é esporte, que é barberico, que é uma vergonha e tal aí vou perguntar? Qual é pior o cara quebrar a perna numa luta ou o cara rachar a cabeça em meio batendo num muro a 200 kph como na formula 1 ou qualquer corrida de carro? 

Então a morte de Senna e muitos outros até queimados vivos é esporte, mas o limite pra essas pessoas é quando o cara quebra a perna? E no futebol quantas pernas já não foram quebradas? 

Eu posso nunca mais ver uma luta de ufc que não perco sono. Como já disse fui fan no inicio mas hoje pouco ligo pra essas lutas. Mas param com a hipocresia!!! Se tu não gosta de um esporte tudo bem, mas seja coerente na sua analise. Chega ser ridiculo dizer que ufc não é esporte num dia e no proximo sentar em frente a tv pra ver carros iriem em circulos com chance de morte horrorifica a qualquer momento (e não estou com isso desqualificando corrida de carros apenas usando como exemplo). 




sexta-feira, dezembro 27, 2013

FELIZ 2014 PARA O INTER

Foto que tirei ontem (26/12), ta ficando cada dia mais bonito

Eu poderia escrever hoje que o gramado do BEIRA-RIO já foi estreiado (acho que essa palavra não existe) por integrantes da direção e da AG, AQUI, com a participação até mesmo do pessoal do GPS. Eu teria feito algo que envolvesse sócios, ou até mesmo os Conselheiros, mas se optou por fazer a "estréia" com amigos e apoiadores da gestão, enfim foi uma opção.

Poderia também falar que a gestão falava que planejava reduzir a idade e a folha salarial, aproveitanto os jovens da base. A notícias dos últimos dias falam na venda do Damião, na renovação do Índio, e na contratação do veterano Welington Paulista e do veteranssimo Dida, que mesmo aos 41 anos fez contato de 2 anos.

Eu não sei muito bem qual é o plano do gestão para o futebol em 2014, não sei o que planejam, talvez isso seja apenas o começo, que outras ações venham mostrar que contratar veteranos não seja uma tendência, mas os primeiros indicativos são estes.

Enfim, muita coisa poderia dizer, falar sobre esse final de ano, mas o que eu mais quero, do fundo do meu coração, é estar errado, quero muito estar enganado sobre as minhas previsões, que o Preisdente Luigi esteja trabalhando com afinco para que esse seja um grande ano de conquistas nacionais BRASILEIRÃO e COPA DO BRASIL, que o INTER use o BEIRA-RIO desde o Gauchão, que a folha diminua os R$ 23 milhões anuais, e que este ano seja repleto de felicidade.

Enfim, ainda desde outubro deste ano o VP de Futebol Marcelo Medeiros já está planejando o ano de 2014, então o que eu mais quero é estar errado, que esse planejamento se confirme, pois desejo que a torcida seja recompensada pelo difícil ano de 2013, e que todos nós tenhamos um FELIZ 2014.

Esses são meus votos para todos vocês leitores do BV que 2014 seja um ano de conquistas para o nosso COLORADO, que nossa senda vitória seja cada vez maior!!

André Flores
@ojogodointer





quinta-feira, dezembro 26, 2013

1 Colorado, 1 Gremista e 2 Americanos

Dependendo de como interpretar a situação dá pra dizer que alem de 1 Colorado, 1 Gremista e 2 Americanos podemos tambem dizer....2 Colorados, 1 Gremista e 2 Americanos. Ou 4 Americanos e 1 Gaucho...ou 2 Gaúcho Colorados e 3 Americanos....4 terrestres e 1 gremista e por aí vai....

Tudo depende de como se interpreta algo. Nesse caso estou falando desse video que filmei mês passado da passagem da lenda do Blues Brasileiro e Colorado Solon Fishbone por New York City. Solon tocou com 2 amigos meus o gaitista Alex Pardal (que é o Gremista) e o baterista Americano Rich Scannella (que tocou no Rock in Rio com a banda Bon Jovi e que tambem já tocou com Bruce Springsteen, Michael Anthony do Van Halen e muitos outros). A banda ainda tinha outra fera o Baixista Tony Tino que veio atraves do Rich. Tony tambem já tocou com muita gente conhecida.

Então nessa noite unica fui lá, filmei e agora editei esse video do baita som que esses caras fizeram. E olha que nunca tinham tocado juntos...

Confere aí o video Coloradagem e olha o talento dessa galera.Compartilhem com outros Colorados...e Gremistas tambem, porque não?

PS: Todos os music videos que fiz até agora sempre contem algo do Inter nele. E esse video também. É o guitarrista!






quarta-feira, dezembro 25, 2013

Time + Torcida + PLANEJAMENTO

Os anos podem não estar corretos, mas foi mais ou menos nessa época. Acho que no fim de 2003.
A última rodada recém tinha terminado, com aquela apresentação indigna do nosso uniforme, frente ao São Caetano, tentando a vaga prá Libertadores. Fomos com o craque Jeferson Feijão, já que uma seleção sub-imunda dessas nos tinha tirado o Daniel Carvalho e o Nilmar, que estavam voando naquela época, junto com o Diego.
É… acho que o ano foi esse, mas a declaração do FK mais abaixo vai determinar exatamente, e conto com os amigos do BV prá confirmar ou corrigir isso.

Voltando a história, recém tinha terminado o jogo (em outras palavras, recém tínhamos tomado o quinto), e eu escrevi um email prá ouvidoria.
Naquela época eu era menos corneta que agora, então apesar dos 5 no lombo, eu falei sobre o campeonato de 2004 - o que vinha a seguir.
Eu escrevi com a seguinte sugestão: dizia que ganhar o brasileiro de pontos corridos era mamata. Tínhamos que focar nos jogos em casa, pois apesar de não termos ido tão bem historicamente, em casa o Inter sempre foi muito forte (lembrem-se, estou repetindo o que escrevi no fim de 2003, e não de 2013!!!).

Resumidamente o que escrevi foi que tomando por base a campanha nos jogos em casa, tínhamos que nos concentrar em vencer TODOS os jogos. TODOS! Eu dizia que com 23 jogos em casa, poderíamos atingir 69 pontos. Isso era campanha quase prá Libertadores.
Nos jogos fora, três cenários:
- precisávamos jogar fechado quando não tínhamos condições favoráveis (campo ruim, desfalques, chuva);
- precisávamos jogar com cautela contra os times de mesmo quilate - comemorando empates;
- e tentar vencer os menores.

Mas o segredo era em casa. Tinha que dar todo o gás! Tinha que jogar final de copa do mundo. Tinha que sair com tudo prá fazer placar no primeiro tempo já. Cair matando em cima.

Com uma campanha dessas, atingiríamos os 69 pontos em casa, e suponhamos mais 40% de aproveitamento fora, teríamos 6 vitórias, 9 empates, 8 derrotas fora: 27 pontos. Total: 96 pontos.

O Cruzeiro foi campeão naquele ano com um timaço, e chegou a 100 pontos. Irreal. Não conseguiríamos aquilo. Já o segundo colocado, o Santos, terminou com 87. Um empurrava o outro, pois até ¾ do campeonato a disputa ainda estava apertada.
Portanto, descontando aberrações como o Cruzeiro naquele ano, uma campanha dessas era título na certa em 9 a cada 10 campeonatos.

OK, botando um pouco de realismo na história, digamos que não conseguíssemos os 100% em casa. Digamos que houveram 2 empates e 2 derrotas. 59 pontos em casa, mais 27 fora: 86. Ali ali, né? Então no finalzão, com o título a vista, e contando com um outro time tão forte quanto, a gente ia pro pau.

Repetindo, tudo era baseado no que?

Em uma campanha arrasadora no Beira-Rio!

Time + Torcida + PLANEJAMENTO

E era nisso que tínhamos que focar. Desde os treinamentos, desde a preparação, concentração, trabalho junto com a torcida, PREÇO DOS INGRESSOS.... tudo isso tinha que ser feito visando a vitória a todo custo dentro de casa. Era praticamente como se tivéssemos jogando dois campeonatos diferentes ao mesmo tempo. Dizia inclusive que se houvesse um jogo difícil em casa, deveríamos poupar jogadores no jogo fora.

Era um email extenso, e achei que tinha uma boa dose de imaturidade, já que era recém o primeiro campeonato de pontos corridos.

Mesmo assim, qual não foi minha surpresa quando um mês depois, em janeiro, na palestra de apresentação dos jogadores pro ano de 2004, Fernando Carvalho dizia em voz firme "Temos que ganhar TODOS os jogos no Beira-Rio! TODOS!" Lógico que a imprensa repercutiu muito isso. Eu fiquei imaginando se era uma baita coincidência ou meu email realmente tinha chegado até a direção...

Resultado?

Nos primeiros dois jogos do gauchão em casa.... empates em 0 x 0.

A imprensa caiu em cima, muita repercussão, e logo aquilo foi por água abaixo.

Onde estava o erro?

Na minha opinião, a idéia não foi adiante após a palestra no vestiário. Ficou só na conversa. Só no discurso de incentivo! Ele falou aquilo, o pessoal gostou do que ouviu, mas aí não se fez mais nada. Duvido que tenham feito um planejamento, DUVIDO que tenham trabalhado isso com os jogadores, e DUVIDO que mesmo tendo feito isso, os jogadores tenham acreditado. O que aconteceu foi que jogaram jogo a jogo, como sempre se fez.

Vieram os dois primeiros empates em casa, no GAUCHÃO, e a idéia morreu por ali.

Mas porra, era o GAUCHÃO!!!! Eram recém os primeiros jogos do ano!! Aquele time de 2004 era bom, e foi a base do time de 2006!! E gauchão, é pré-temporada!

Se a idéia de um torcedor qualquer foi levada tão a sério assim, por que foi abandonada com tanta facilidade?

Eu ainda acho que isso é possível. Lógico que vão dizer... ah, mas se joga pontos corridos há décadas no mundo todo, alguém já deve ter tentado isso… e comprovado que não dá certo.

Bom, fica o desafio prá ver se realmente isso pode acontecer.

Falando em números, olha aí:


Em 2004, o ano da historinha acima, atingimos 71% no Bêra: 15 – 4 – 4. Porra, com um pouco mais de esforço, planejamento, preparação, dava prá ter transformado em 17 – 4 – 2. Isso dava 55 pontos. Com os meus 40% de aproveitamento fora, dava um total de 82 pontos. Dava Libertadores.

Se eu calculei certo (o Futpédia só mostra de 5 em cinco – as colagens na figura foram na mão), nossa média nesses últimos campeonatos é de 64% de aproveitamento em casa. Eu falei em aumentar esse número prá 85%. Dá prá fazer isso.

Transformando isso tudo pros pontos corridos de hoje em dia, com menos jogos (são 20 times, ao invés de 24), a campanha seria a seguinte:

Em casa: 15 – 3 – 1: 48 pontos (ou 84%)
Fora: 6 – 5 – 8: 23 pontos (ou 40%)
71 pontos (ou 62%)

E olha, time que faz 85% em casa, com certeza faz mais que 40% fora.

ps. No momento em que esse texto é publicado, vou estar sobrevoando os EUA em direção ao Brasil. Chego na segunda de tarde só, e do aeroporto direto prá praia. Por isso, podem me xingar a vontade. Não vou ver os comentários durante o dia todo!




terça-feira, dezembro 24, 2013

Até tu Barça!

Leitura obrigatoria no link:

Ao menos na Espanha alguem é homem suficiente pra tirar a mascara desses bandidos no futebol. Agora se isso acontece no glorioso e respeitado Barça Imagina nos nossos clubes.

Chega a ser ridiculo. Santos diz que recebeu so 18 milhoes pelo Neymar. Barça diz que pagou 60. Real madrid diz que abandonou conversas quando o valor chegou a 150 milhoes! Agora o Barcelona está sendo investigado por desvio de dinheiro. Tá mais do que na hora de acontecer investigações parecidas no futebol Brasileiro. Mas são poucos com os culhões necessarios no Brasil.

Isso me faz Lembrar o caso do Oscar e a tal confusão se era euros ou libras que tinham recebido. Alguns diziam Euros outros Libras. Ate hoje ninguem respondeu com certeza. Lembrando que 20 milhoes de libras nao é a mesma coisa que 20 milhoes de euros.

Leia a reportagem aqui. 


Ps. Feliz Natal a todos!



segunda-feira, dezembro 23, 2013

Pacto com o Diabo

"Em 1979 houve uma mobilização muito grande para recuperar a campanha ruim no Gauchão, quando o Internacional ficou em terceiro lugar"

Isso está escrito no site oficial do Inter, hoje mesmo, em referência ao aniversário de 34 anos da conquista do Tri Invicto.

Essa frase diz tudo. E ainda vale hoje. Só que anda funcionando ao contrário no Beira Rio. Hoje em dia o Gaúchão, pra não chamar de maldito Gaúchão, em vez de motivar o time só tem ajudado a acomodar o time, a diretoria e a torcida. Todo ano é a mesma coisa, ganhamos o Regional e a torcida fica satisfeita, o time acomodado e a diretoria segura. Venho falando há anos que o Campeonato Gaúcho hoje em dia não passa de um campeonato pra enganar bobo. Não vale mais nada, leva 5 longos meses e ainda engana a torcida. Pior o preço do titulo do Gaúcho custa o resto do ano.

Muitos não vão gostar do que vou escrever, mas vamos lá....eu prefiro...eu quero...eu torço para que o Inter não ganhe o Gaúchão de 2014. É simplesmente arriscado demais ganha-lo. Temos que perder o Regional para que o time não ache que o dever do ano ta cumprido. Aquela relaxada de 1 ou 2 semanas pos titulo do Gaúchão pode custar demais no Brasileirão. Quero ver o Inter no pódio com taça importante, não taça de Regional.

Em 2006 perdemos o Gaúchão...ganhamos a Libertadores.
Em 2010 perdemos o Gaúchão...ganhamos a Libertadores.
Em 1979 passamos vergonha no Gaúchão e immediatamente ganhamos o Tri-Invicto do Brasileirão.
Em 2011 Ganhamos o Gaúchão e só vaga no Brasileirão. (Quinto Lugar)
Em 2012 Ganhamos o Gaúchão e tivemos um pessimo ano. (Decimo Lugar)
Em 2013 Ganhamos o Gaúchão e quase fomos rebaixados.
(Por sinal ...notaram a queda de rendimento do clube nos anos Luigi? Quinto, Decimo, Decimo Quinto! Tudo enquanto levantavamos trofeu regional)

Vocês podem torcer pro Inter ganhar o Gaúchão em 2014, mas podem ter certeza que é como fazer um pacto com o Diabo. Tu vai ter um breve momento de alegria (1 dia no maximo) mas com custo muito alto depois. Eu quero muito mais para o Inter em 2014 e por isso eu torço para que não conquistemos o campeonato regional.

É o que venho escrevendo há anos aqui. Futebol é mais que botar 11 craques em campo e levantar a taça. Tem muito Psicologia (ou motivação se preferem) atrás de tudo no futebol. Certas variaveis ajuda em conquistas, certas variaveis prejudica. O Gaúchão é uma variável que só ajuda se não é ganho.





sábado, dezembro 21, 2013

Estragando o Mundial

3 dos ultimos 4 clubes brasileiros a chegar ao Mundial conseguiram literalmente estragar a final do Mundial de Clubes. Algo que não deve deixar a Fifa feliz (que procura criar mais interesse europeu no torneio) , nem as tv, nem os torcedores. 

O Inter em 2010 começou a sequência não chegando a final. Uma final que seria epica: Inter x Inter. Não aconteceu, ficou na imaginação. 

Aí no proximo ano o Santos tomou um vareio vergonhoso do Barcelona que só fez 4 a 0 por pena. Um ano depois no Juan Gamper o mesmo Barça faria 8 no mesmo Santos. 

Agora em 2013 o Atletico Mineiro também consegiu estragar a final do Mundial que teve absolutamente graça nenhuma entre o Raja Casablanca e o Bayern. Infelizmente só o Corinthians que honrou o futebol Brasileiro nesses 4 ultimos mundias. 

Assim vai ser dificil o mundial de clubes ganhar mais credibilidade fora da America do sul. 

O Mundial Fifa merece mais do que 3 dos ultimos 4 clubes brasileiros tem dado. 

Ps:

Sobre confrontos diretos entre europeus e sul americanos, tem que se lembrar que há uma desvantagem um tanto grande para ao menos os clubes brasileiros. Somos forçados a usar no maximo 3 estrangeiros por time no brasileirao (vai finalmente aumentar ano que vem) enquanto os europeus não. Eles podem fazer um time quase todos estrangeiros. Ou seja eles tem mais escolha em jogadores os clubes brasileiros. Claro no mundial o time brasileiro pode encher de estrangeiros o time mas não há tempo para eles montar um time e treinar em meros meses ainda mais que tal time não poderia disputar partidas do brasileirão. Dito isso, isso não serve de desculpa pra perder na semi pra times da Africa. 



Fim de ciclo

Saudações coloradas, a tod@s.

Fim de ano, que para muitos significa fim de ciclo, descanso, renovação, revisão, correção de curso, definição de objetivos e planejamento.

Este foi um ótimo ano para mim, particularmente. Não porque tenha sido fácil, pois não foi. Aliás, bem ao contrário, foi um dos mais duros que já tive. Mas foi ótimo justamente porque enfrentei este duro período com seriedade, dedicação e sacrifício (meu e de minha família) e consegui atingir os objetivos e encerrar este longo ciclo do doutorado.

Ao mesmo tempo em que me via nesse processo, eu (e vocês) acompanhava o nosso clube e o futebol brasileiro. E, talvez exatamente por estar vivendo este processo, dia após dia eu assistia praticarem exatamente o contrário de tudo que foi tão fundamental para mim no Inter e no futebol brasileiro (aí inclusa a maldita Copa e os imbróglios no STJD).

Irresponsabilidade. Arrogância. Malandragem. Omissão. Descompromisso. Mau planejamento. Falta de ética. Mentiras. Em tudo relacionado ao futebol (não apenas, é claro), inclusive no Inter.

Este ano termina (graças a Deus!) e depois de tudo isso, posso dizer-lhes com paz de espírito e um grande sentimento de decisão: para mim, basta. Não aguento mais tanta sujeira, tanta brincadeira de mau gosto com meu dinheiro e, mais importante, com minha boa fé e paixão. Foi e tem sido esta a razão da minha dificuldade (e falta de motivação) em escrever aqui no BV. Ainda bem que temos o Tiago super empolgado, o Cristian, o André e o incansável Louis, mantendo o blog andando bem.

Foi preciso eu me aproximar muito do futebol e da vida do clube para ter certeza de que nada disso corresponde aos valores que escolhi e que tento praticar. E não é por impossibilidade que valores nobres inexistem no futebol atual, mas por não haver interesse mesmo.

Acredito num mundo melhor e tento fazer minha parte, que inclui - além de por a mão na massa - incentivar (por exemplo, com contribuições) outras pessoas e instituições sérias, que também acreditam num mundo melhor e estão comprometidas com esta causa.

Portanto, minha relação de suporte ao Inter e de consumidor do futebol como um todo irá mudar drasticamente a partir de 2014. Neste fim de ano vou definir mais algumas instituições e/ou projetos que me pareçam sérios e comprometidos, para doar este dinheiro que não faz falta ao clube (afinal, não faltam revelações para serem vendidas), que não é apenas a mensalidade, mas tudo o que consumo atualmente (uniformes, produtos licenciados, idas ao estádio, etc.). O futebol - e está muito claro que também o Inter - não vai mudar tão cedo, então mudo eu, com muito prazer.

Vou também usar o fim do ano para repensar minha atuação aqui no BV, para ver como posso continuar contribuindo com o blog, apesar da distância que quero manter do futebol. Me parece que há muitas formas de fazer isso, mas quero pensar com calma e propor algo concreto ao Louis.

Desejo a todos e todas vocês um excelente fim de ano. 

Para os que estão em fim de ciclo, que possam fazer um balanço final e um ótimo planejamento para 2014. Para os que estão em meio aos ciclos, que possam se concentrar ainda mais, acreditar no seu trabalho, nos objetivos definidos e se dedicar o quanto for necessário, sem descuidar da saúde, é claro.


Deixo a mensagem acima, mas peço que não entendam a mensagem e nem o post como um todo como um sermão, lição de moral ou como um conselho para vocês. O texto fala de minha experiência pessoal, que pode ser semelhante a de alguns de vocês ou radicalmente oposta. Se há um conselho ou lição aqui é apenas o de que devemos ser fiéis aos nossos princípios até termos alguma razão para mudá-los.

Um grande abraço a tod@s e boas festas!



sexta-feira, dezembro 20, 2013

SLPTM na Integra

Já que quase 50% da população do BV nunca assistiu o documentario Soy Loco Por Ti Mundo que mostra como foi o Mundial de 2006 pelos meus olhos lá no Japão, está ai sua chance na integra. O video abaixo passará em order as 13 partes do filme que no total são cerca de 2 Horas de duração. O filme contem imagens exclusivas do Japão, conversas com jogadores, torcedores, imagens dos jogos e muito mais. O filme está cheio de surpresas.

Confira enquanto está no ar:





quinta-feira, dezembro 19, 2013

REUNIÃO CD#9

A cada dia mais lindo

Ontem houve mais uma reunião do Conselho Deliberativo, cuja a pauta era: I - Apreciação de pedido de suplementação, II - orçamento 2014, III um contrato com a Caixa Estadual e IV -Assuntos Gerais. Como já expliquei outras vezes essa é minha opinião parcial sobre o que eu vi e eu considerei importante, não tem a mínima pretensão de ser a ata da reunião, penso que essa é uma forma de prestação de contas do meu mandato.

SUPLEMENTAÇÃO

A cada ano o Conselho Deliberativo vota o Orçamento do INTER, esse orçamento prevê como a direção vai gerir as receitas e as despesas do INTER, é mais ou menos o planejamento do ano. Em 2012 votamos um orçamento que previa gastos na casa de R$201 milhões (algo como R$ 132 milhões só com o futebol).

Ao longo do ano as despesas foram muito superiores e já em agosto estouramos o Orçamento, só em futebol gastamos algo como R$ 201 milhões, e as despesas totais do ano fecharam em algo como R$ 25 milhões a mais do que o previsto. Por essa razão o Presisente Luigi encaminhou no inicio de dezembro um pedido de suplementação orçamentária.

O Conselho Fiscal (órgão do Conselho Deliberativo que, por assim dizer, fiscaliza as contas da gestão) fez um parecer sobre a suplementação, onde aponto várias coisas, desde a falta de tempo, passando pelos erros de planejamento, indo até a extemporaineidade.

Vou me ater a esta última, como poderia o Conselho Deliberativo aprovar uma suplementação de um gasto qeu já foi feito, o Conselho autorizou a gestão a gastar R$ 201 milhõe e não R$ 226 milhões e depois de descumprir o orçamento, já quase no Natal a gestão quer regularizar o que deveria fazer em agosto??? Entre outras razões mas também por isso o Conselho Fiscal fez parecer recomendando a reprovação do pedido de Suplementação.

Só para que vocês tenham uma idéia o orçamento de 2013, proposto pela própria direção, previa gastar R$ 132 milhões com futebol e gastamos mais de R$ 184 milhoes (uma diferença de R$ 52 milhões ou 40%) ou seja, o futebol do INTER não foi um desastre apenas dentro de campo, mas também na gestão de recursos.

Se chegou a alegar que a venda do Damião e do Gilberto serviram para equilibrar as contas, ou seja, ao invés de serem bons negócios foram meros tapa buracos de uma gestão que planeja mal ou executa mal (ou os dois). Diante da iminente derrota o Presidente Luigi pediu que fosse retirada de pauta o pedido de suplementação, sob a alegação de que a venda do Damião e do Gilberto gerariam ajustes e modificariam significativamente o cenário.

ORÇAMENTO

A pauta seguiu com a apreciação do ORÇAMENTO 2014, nessa pauta tive a oportunidade de falar e falei sobre alguns temas. 

FUTEBOL

Mesmo o INTER tendo um executivo de futebol, muito bem remunerado, os resultados foram desastrosos em 2013, gastamos muito mais do que o planejado e o resultado foi o pior da era de pontos corridos. Falei ao presidente que erros assim não podem acontecer, tanto no planejamento quanto na execução e pedi que as cobranças fossem mais fortes esse ano.

FESTA DE REINAUGURAÇÃO

O Conselho Fiscal apontou que na festa o nosso INTER fez um contrato com a Zero Hora Editora Jornalística S.A, sendo que o INTER tem direito a 60% das receitas que excederem R$ 24 milhões (que seria o custo), segundo me informaram o INTER não audita estes custos, ou seja a ZH diz que gastará este valor e não precisa comprova-los ou submeter a auditoria do INTER.

O interessante é que se todos os ingressos forem vendidos para todos eventos (corrida, show e jogo inaugural) o evento vai faturar ao todo algo como R$ 30 milhões ao INTER caberá receber R$ 3,6 milhões. Segundo o orçamento feito pela direção o INTER não espera receber um real sequer da festa, o que da uma idéia da dimensão deste negócio.

Então vejamos, se vendessemos 36 mil ingressos para o jogo inaugural, cada ingresso custando R$ 130,00 (preço do ingresso mais barato) iriamos faturar R$ 4,68 milhões. Tenho certeza que R$ 1,1 milhão paga o custo de abertura do estádio e ainda o cachê do Peñarol, ou seja com pouco esforço já seria viável fazer um negócio mais vantajoso economicamente e acessível ao sócio. 

De outra forma vamos lotar 2 vezes o BEIRA-RIO, levar uma multidão a correr pelas ruas da cidade e receber menos do que receberíamos se organizássemos uma partida  de reinauguração, pois o custo de organização orçado pela Zero hora é de R$ 24 milhões mesmo que ainda não tenham sido anunciadas grandes atrações que não o próprio estádio, eu já havia dito AQUI que não vou e ontem tive certeza que tomei a decisão correta.

REABERTURA DO ESTÁDIO

O Presidente Luigi garantiu que a obra estará concluída no dia 30/12 eu fiquei feliz com a notícia, mesmo que faltem 12 dias e nesse período tenham 2 feriados, pois o Presidente afirmou que há no contrato a previsão de multa e caso o INTER não possa mandar suas partidas no nosso estádio, e que vai cobra-la.

Que vamos iniciar com 10 mil torcedores e esse público vai crescendo a cada partida, na medida em que for sendo conhecida as novas peculiariedades da operação do estádio a capacidade vai aumentando, podendo já estar sendo usado a pleno antes mesmo da festa de reinauguração, como podemos ter um greNAL em casa ainda em março penso que essa pode ser a oportunidade de termos o nosso primeiro jogo com casa cheia.

CONTRATO AG

O Conselho Fiscal apontou que não obteve acesso ao contrato com a AG, eu também não tive acesso a este contrato, embora já tenha solicitado por mais de uma vez desde que me tornei Conselheiro. Cobrei o Presidente Luigi e este informou que a partir do dia de hoje estária aberto o agendamente para podermos ver o contrato.

Em razão da cláusula de confidencialidade não poderei dar detalhes sobre os termos, mas aviso quando eu já tiver visto, pois quero fiscalizar a sua execução.

OUTRAS MANIFESTAÇÕES

Muito se falou sobre as contas, sobre a venda do Damião como um tapa buracos, lembraram que o INTER precisa aproveitar a voltar para o BEIRA-RIO para alavancar receitas e aumentar as nossas conquistas.

Todos os Conselheiros que usaram a tribuna, pelo menos os que eu ouvi, manifestaram sua preocupação com a situação financeira e com as dificuldades administrativas do clube, e por consequência o reflexo no resultado de campo.

Foi ainda proposto pelo Conselho Fiscal que a direção, em um prazo de 90 dias, fizesse as devidas correções no orçamento, resolvendo as pendências apontadas pelo próprio Conselho Fiscal. Ao final o orçamento foi aprovado pela maiorira dos presentes, assim como a maioria aprovou a ressalva do Conselho Fiscal de que a direção corrija a peça orçamentária em 90 dias.

Muitas outras coisas foram tratadas, mas esses foram os pontos que julguei mais relevantes da reunião, e para o post não ficar muito longo (mais do que já está) vou ficando por aqui. Abaixo deixo algumas fotos, que tirei nos últimos dias, da obra que esta terminando e vai terminar antes do dia 30/12


André Flores
@ojogodointer















quarta-feira, dezembro 18, 2013

Aconteceu de novo


Olha gente. Torci pro Atletico ganhar. Nao sei porque mas torci, normalmente torço pro mais fraco. Mas queria ver o galo na final contra o Bayer. Tambem nao acho que time convidado merece estar na final se bem que o Raja tem jogado bem. Falando nisso agora podemos falar que a derrota do Galo foi pior que a nossa, pois nós perdemos pro Campeão da Africa e o Galo para o time convidado campeão do País sede.

Primeiro alguns detalhes. 

Jogador do Raja Casablanca que entro no 2 tempo, jogou no mazembe naquele infamo mundial de 2010. E alecsandro agora sentiu a dor duplamente de ser eliminado em semi de mundial. Imagina o que ele não sente.  A fox americana repetiu no minimo 6 vezes durante o jogo o jogo inter mazembe explicando que era a unica vez que um sul americano nao chegou a final. Essa derrota do galo so serve pra acabar com isso e ate pra validar esse formato do mundial em contrates com a copa toyota que so envolvia dois continentes. 

Tambem queria que o galo ganhasse porque não temos briga com o galo e tambem sei a dor que é viajar pro outro lado do mundo e perder uma semi. É muito muito muito ruim e tô com pena dessa torcida. Claro não teria pena se fosse outro grupo seleto de clubes do brasil. Mas o atletico não é um deles. Nós Colorados ao menos já tinhamos a alegria de conquistar o Mundial (de verdade) 4 anos antes. E eu em nivel pessoal estava no Japão. O Galo e Atleticanos não. Só conhecem esse derrota em Mundial. Foda.

Outra coisa. O Inter jogou e dominou bem mais o jogo contra o Mazembe pelo que me lembro do que o Atletico que em muitos momentos foi dominado pelo Casablanca. Alem disso o Inter perdeu muitos gols, o Atletico perdeu apenas alguns. Ronaldinho (pela qual eu incrivelmente estava torcendo) fez o gol de falta hoje que não consegiu contra o Clemer em 2006.

Agora resta torcer para o impossivel ou quase impossivel uma vitoria do Raja na final, ou não? Seria melhor para nossos interesses o que? Ou não importa? Mas que se preparem os atleticanos que as piadas so estão começando. Raja coração.

PS: Fica dica, pra quem nunca viu o filme Casablanca, um dos melhores de todos os tempos. 



Hora da Verdade

PRÉ-Jogo:
 
Daqui a pouco começa o Mundial para o Atlético Mineiro. Acho que eles não devem cometer o mesmo erro do Inter e se deixar levar pela imprensa que só fala de Galo vs. Bayern. Antes tem o jogo das semifinais. Como já provou o Inter em suas duas participações, TUDO pode acontecer. Especialmente quando a terra tem um tempero árabe.
 
Ontem o Bayern fez o que era esperado do campeão Europeu, ainda mais quando comandado pelo badalado Pep Guardiola. Meteu 3 a 0 ao natural no time xing-ling e depois se deu o direito de cadenciar. Conca, indefeso pelo time frágil que tem a sua volta nada pode fazer para impedir a vitória "prussiana".
 
Isso apenas aumentou a responsabilidade do Atlético. Vamos ver, agora, se eles conseguem corresponder e encontrar os alemães na final de domingo ou se emparelham com o Inter em 2010.
 

 
 


Mente no Lugar Certo

Vou procurar manter a ética e me manter em silêncio. Sou honesto, não vou negar que tem uma parte de mim torcendo pelo fracasso do Atlético Mineiro. Ao mesmo tempo, outra parte briga pra manter a sobriedade.
 
Apesar de ter o diabinho dizendo no meu ouvido: "o Atlético tem de perder. O Galo tem de ser depenado", acho isso tão barato que vou dar ouvidos ao anjo que diz: "Cada um tem de cuidar de fazer o seu melhor, torcer pelo fracasso do outro pra esconder a fraqueza? Isso é coisa de Luigi e sua turma".
 
Mais tarde volto com comentários mais sóbrios, lastreado por fatos. Por enquanto, deixo uma mensagem motivacional. Há! Como seria lindo um jogo assim! Em campo o time do SC Internacional...
 
Fonte da foto
Meninas do time de Rugby da Oxford
 


terça-feira, dezembro 17, 2013

Abelão e He-man

Começa muito mal o abelão. Já escolheu o rafael moura como bichinho de estimação. Mas o ironico é  que se o Abelão gosta tanto do he-man porque o proprio Abel Braga deixou Rafael Moura sair do Fluminense em 2012 para o Inter? E ainda lembrando que ele era reserva do Abel no Fluminense! Mas pro Inter ele serve mesmo depois de fracasar em 2012 e 2013? 

Tão de brincadeira com nós!

Pior. Abelão ainda xingou Scocco via a imprensa ("não quero jogador insatisfeito"), Abelão aprova renovação do Indio, Abelão quer Edinho no Inter. 

Tudo ao contrario!

Pelo jeito a coisa vai ficar pior ainda em 2014. Sinceramente tão acabando com a dignidade do nosso clube. Incompetência total. 


segunda-feira, dezembro 16, 2013

Soy Loco Por Ti Mundo

Como vinho esse video só fica melhor com idade! Bons tempos esses. Que viagem sensacional foi essa em 2006 até o Japão! Quem aqui viu o filme completo que fiz (não só o trailer abaixo) e quem não viu?






Tapetão again

O circo que é o futebol Brasileiro continua. Um monte de cariocaxxx votaram pra rebaixxxxar a luxxxa e pro seu fluminense subir. 

Não sei se foi armação do advigado da lusa ou interno da portuguesa mas eu até não tenho problema com a portuguesa na B. Já está acostumada a estar lá. Meu problema é com o Fluminense mais uma vez pulando de serie de graça. Isso é simplesmente ridiculo. 

Ps. 

A venda do Damião é oficial. Se esquecermos tudo que aconteceu com ele em 2013, as fofocas etc o que sobr é que o Inter quase caiu e como uma de suas primeiras ações vendeu seu maior selecionavel e goleador para um rival. É assim que vamos melhorar em 2014. Começou mal. Ou melhor as decições do Luigi continuam nebulosas. 


Várias coisas e algum blá blá blá

Muitos comentários no BV sobre a confirmação da vinda do Abel. Imprensa multicolor noticia que a maioria aprova. Mas quem é essa maioria? Será a maioria do BV? Não, bem capaz né.... É a maioria que responde enquete do Globoesporte, ou qualquer outro veículo desses.

Isso não é uma crítica ao Abel, mas só quero dizer que não se pode acreditar que tá todo mundo soltando foguete, que "agora vai", que ano que vem vamoxxxxxxxxxx práxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxima delexxxxxxxxxxx.

Nah. Não é bem assim. Não vai ser bem assim. Eu até gosto do Abel. Gosto quando um treinador que já deu certo uma vez volta. Não é nada garantido, mas pelo menos não é uma aposta como os últimos trinta-e-dez treinadores que o turtle trouxe. Falando nisso, viram o que o guri dele fez com a seleção sub-15? O Alexandre Gallo? Que baita exemplo hein? Nem saberia por onde começar....

Sorte pro Abel. Sorte prá nós. A minha expectativa pro ano que vem? Jogaremos prá não cair. Qualquer coisa a mais é lucro puro. Digo que esse é o meu voto de confiança no Abel. Se viesse outro qualquer, um testa de ferro dessa direção, era garantido já que em 2015 iríamos ver o Inter jogar nas sextas feiras.

--

Eu confesso que não estou acompanhando a lama que tá rolando em relação a virada de mesa, tapetão... Faço questão de não me meter. Acho que passada uma semana, e ninguém conseguiu achar um buraco prá meter o Inter no meio, parece que realmente estamos livre disso. Mas aposto que tentaram! Escrevi isso num comentário essa semana.

Bom, voltando a virada de mesa, STJD, quem tá certo, quem enganou quem.... na boa.... vocês acham que qualquer que seja a decisão, que ela será tomada simplesmente baseada em fatos e regulamento? Não. Isso nunca. Eu lembro bem de 2005. Eu lembro bem de outros campeonatos em que fomos garfados. Eu lembro de campeonatos em que garfaram outros times também, e sei muito bem o que os mais antigos contam sobre o Inter e os campeonatos que eu não vi, e nos tiraram a taça também. Então, “brasileiras e brasileiros”, prá mim é perda de tempo acompanhar, e achar que sai alguma coisa justa dessa lama toda.

Não sai. As poucas manchetes que eu li já serviram prá fazer cara de vômito. Aliás, por que continuo acompanhando futebol e o Inter, depois de tanto coco escancarado? Não sei... Devo ser bem dandão mesmo... Eu reconheço.

RIP Brian Griffin
--

Essa foi uma semana de recordações e comemorações em toda Porto Alegre!! Todo mundo feliz! Todo mundo comemorando o que podia! Eu recebi "Feliz Mazembe Day" de tanta gente!! Minha resposta é simples:

Cada um comemora com o que pode. No mesmo dia se comemorava o Gol Iluminado. O Mazembe foi um fiasco, uma decepção? Ok, beleza... Não se ganha todas, e as vezes se caga no patê legal. Mas eu não troco a conquista de 1975 por nada. Tudo beleza.

Agora.... desde que o Paulo César Caju abriu a boca, muita gente ficou com uma pulga atrás da orelha sobre a legitimidade de uma certa conquista. Deixa assim.

--

To indo prá Porto Alegre domingo que vem. Tava lendo nos comentários de um post que uma viagem prá lua dura uns 3 dias.... bom, minha viagem daqui prá Porto Alegre vai durar METADE desse tempo.... Foda né??? Saio daqui de manhã, e chego aí no outro dia no fim da tarde!!! 3 escalas! E ainda to sabendo que parece que vai ter greve de pilotos? É isso mesmo? Que beleeeeza! Bom, tudo isso prá avisar que as próximas semanas talvez não consiga contribuir tanto com o blog, mas em 2014 volto com a corneta afinada (...se afina corneta?)

--

Falando em corneta, o Metallica, a banda mais afudê de todos os tempos, vai fazer alguns shows na Europa e América do Sul onde os fãs que comprarem ingresso vão poder votar e escolher as músicas que eles vão tocar nos shows.
Já pensou o Inter fazer isso num amistoso? Os torcedores que comprarem o ingresso pro jogo votam e fazem a escalação prá partida! O técnico que se vire!

--

Vocês vão achar graça, mas hoje foi calor aqui! Teve uma hora que eu vi a temperatura e marcava 3 graus positivos! Foda. Tudo virou gelo. Ontem, CHOVEU aqui! E chuva no meio do inverno é raro! O certo é nevar, né... E é o certo mesmo, porque se cai chuva, ela cai na neve, compacta e congela. Vira tudo uma pista de patinação. E dirigir em pista de patinação não é legal. Tu.... patina! Feito nosso time nos últimos anos....

--

Abraço aí gurizada, bom fim de ano prá todo mundo. Espero um Prêmio BV mais concorrido que o Nobel do Futebol, e semana que vem to aí sobrevivendo ao calor.




sábado, dezembro 14, 2013

Produçao Ofensiva 2013

PRODUÇÃO OFENSIVA 2013 Update Final

Atualizei a Produção Ofensiva do ano de 2013.

DALE:
Por uns minutos achei que o Dale iria quebrar um recorde que ninguem no Inter consegiu desde 2006 quando eu comecei a contabilizar esses dados (por sinal ninguem que eu saiba contabilizava assistências no futebol Brasileiro em 2006, acho que só alguns anos depois do BV que começaram..facil de testar, tente achar assistências de jogadores do Inter em 2006, 2007, 2008 que não seja os daqui).

Pensei que o Dale seria o primeiro jogador Twenty-Twenty ou aportuguesado Vinte-Vinte onde o atleta fez 20 gols e teve 20 assistências (uma estatistica caracteristica da NBA so que por jogo não temporada). Mas não chegou lá. Fez 20 gols mas faltou 6 assistências. Os 54 Pontos de produção do Dale o coloca na Setima melhor produção ofensiva no Inter desde 2006, atras de Damião (2011, 2012), Alex (2008), Alecsandro (2009, 2010) e Taison (2009. O melhor ano do Dale em Produção Ofensiva tinha sido 2011 com 47 Pontos.

Veja os numeros do Dale desde que chegou ao Inter. Unica preocupação é que ele tem um ciclo patologico de ir bem um ano e decair no proximo. Isso tem se repetido ano apos ano. Ironicamente o ano que foi eleito melhor da America (2010) os numeros deles foram modestos. Obvio que o titulo de melhor da America se devia em grande parte pela conquista da Libertadores porque em 2010 fez nada na segunda metade do ano e na libertadores em si a estrela foi Giuliano. Agora, 2011 e 2013, esses sim o Dale arrasou.

D'ALESSANDRO
2008 - 04 - 06 - 14 (chegou no meio do ano)
2009 - 11 - 11 - 33
2010 - 05 - 13 - 23
2011 - 16 - 15 - 47
2012 - 03 - 08 - 14
2013 - 20 - 14 - 54
TOT - 59 - 67 - 185

ALEX
O Alex em 2008 é o que mais chegou perto do Twenty-Twenty. Fez 32 gols e teve 19 assistências. Por uma assistência não chegou lá. Até hoje esses numeros do Alex são monstruosos. Uma pena que 5 anos depois disso...já mais rodado e bem mais rico o Inter decide tentar voltar ao passado. Só que aparentemente Alex não é uma sombra do que era...ou simplesmente não tem mais a mesma fome. Em 2013 Alex teve 1 gol e 1 assistência. E a que custo aos cofres colorados?

DAMIÃO
Mesmo com o ano que teve, Damião ficou apenas 1 ponto atras da produção Ofensiva do Giuliano em 2010. Claro que Damião é camisa 9 e Giuliano não era. E tambem empatou com Iarley (2006) para a decima-quarta melhor produção Ofensiva desde que os dados são contabilizados pelo BV. E mesmo sendo criticado esse ano Damião consegiu o "Double-Double"...mais de 10 gols e 10 assistências no ano. E a emprensa falou que falou que ele tava vendido, mas como disse, só acredito quando tá no site oficial. Por mim ficava pois os numeros não mentem e colocando a cabeça dele no lugar certo com um elenco decente ele facilmente pode fazer uns 25 gols e ter mais de 10 assistências. Vamos dar isso ao Santos??? Baita cagada na minha opinião.

2010 13 - 2 - 28 (Sua primeira temporada não foi titular o ano todo)
2011 40 - 12 - 92
2012 24 - 9 - 57 
2013 14 - 11 - 39
TOT 93 - 34 - 216 

RAFAEL MOURA
Centro avante de oficio. Gastamos já milhões nele só nesse ano e o que nos rendeu? 4 Gols e 1 assistência. Muito pouco. 10 outros jogadores incluindo zagueiros tiveram produção ofensiva melhor que o He-Man.

OTAVIO
 Com 7 gols e 4 assistências foi um ano bom e o guri promete. Talvez não seja craque mas pode render. O Problema é que o Inter gosta de vender esses guris que produzem em campo (Taison, Fred, Giuliano, Oscar...) bem antes da hora, deixando o Inter sem talento apenas para pagar salarios de jogadores medalhões que recebem bem sem produzir muito. Essa lista ajuda a ver que é quem exatamente.


VEJAM OS NUMEROS COMPLETOS PARA 2013 e dê suas opiniões.

Gol - 2 Pontos
Assistência - 1 Ponto


2013
Jog-Gols-Ass-Pts
D'Ale 20 - 14 - 54
Forlan 17 - 6 - 40
Damião 14 - 11 - 39
Otávio 7 - 4 - 18 
Juan 6 - 0 - 12 
J. Henrique 4 - 4 - 12 
Willians 4 - 3 - 11
Caio 3 - 5 - 11
Scocco 4 - 2 - 10
Fabricio 1 - 8 - 10
Rafael Moura 4 - 1 -9
Fred 2 - 4 - 8

Gabriel 2 - 4 - 8
Maurinho 2 - 1 - 5
R. Moledo 2 - 1 - 5
Kleber 1 - 3 - 5 
Josimar 1 - 2 - 4
Alex 1 - 1 - 3
 
Airton 1 - 1 - 3
Cassiano 1 - 1 - 3

Vitor Jr 1 - 0 - 2

Maurides 1 - 0 - 2
Indio 1 - 0 - 2
Ronaldo Alves 0 - 2 - 2
Igor 0 - 1 - 1

C. Winck 0- 1 - 1
 

Lucas Lima 0 - 1 - 1

PS: Um feliz aniversário ao meu Pai, que veio nos visitar aqui no inverno Americano (tá caindo uma neve nesse momento) e anda me trouxe uma belaaaa camisa do Inter...manga longa...linda! Uma das mais bonitas que tenho!






quinta-feira, dezembro 12, 2013

NEGÓCIO MILIONÁRIO

Após avaliar 2013, Marcelo Medeiros foi promovido, e terá mais poderes em 2014

Fico impressionado com a facilidade com que as pessoas falam em milhões no futebol, poxa é muita grana e parece que tudo é tratado coo dinheiro de banco imobiliário, tudo de mentirinha, mas é de verdade. Tem gente enriquecendo as custas do futebol, da paixão do torcedor, da exploração dos sócios, falam de milhões como eu falo de 50 pilas.

Hoje leio AQUI que o nosso COLORADO esperou o Damião estar desvalorizado para vende-lo, que podemos perder algo como R$ 20 milhões com esse péssimo negócio (se comparado as propostas que recusamos) e tudo isso é assistido impassivelmente. Tenho certeza que alguns irão até comemorar, com a notícia de que déficit será próximo de zero esse ano.

Ora, o INTER se preparou para gastar R$ 240 milhões esse ano (isso mesmo, algo como R$ 20 milhões por mes) e arrecadar a mesma coisa, pois ao final do ano o que se vê é que o INTER arrecadou quase R$ 280 milhões, mas também gastou isso, ou seja, vendeu o jogador com maior potencial de negócio, por um preço abaixo de outras propostas que recebeu, para fechar o ano com o balancete empatado.

Aquele papo de sair um jogador por ano caiu no esquecimento, esse ano foram Fred, Moledo, Dagoberto, Damião, Dátolo, Guiñazu (e mesmo assim a folha salarial cresceu), e mesmo aumentando a arrecadação em R$ 40 miçhões não foi suficiente para cobrir o aumento de despesas.

A gestão dos recursos do INTER é ridículo, com gastos astronômicos, salários estratosféricos, com desordem de todo tipo, mas no fim das contas o INTER vende o jogador de mais potencial, para pagar as burradas que houveram (Rafael Moura, Vitor Jr, Airton etc...) e outros que virão no próximo ano. 

Para o Presidente Luigi, tudo está aparentemente certo, mesmo que o INTER tenha ficado na segunda página nada deve mudar significativamente, e o Marcelo Medeiros ficara na Vice-Presidência de futebol, agora com poderes ampliados, ou seja, depois da experiência de 2013 ele será promovido, e vai ficar responsável pela Vice-Presidância com contratos milionários, com jogadores que ganham uma Mega-Sena por ano só de salários.

Já faz algum tempo eu falei AQUI (e na reunião do Conselho Deliberativo) que o COLORADO foi condenado a pagar R$ 2 milhões em um processo de plágio, em qualquer empresa do mundo depois de uma coisas assim cabeças rolariam, auditorias seriam feitas para que o erro não se repetisse, no INTER rolou uma operação abafa para que tudo continue como está. 

Muitos me criticaram por expor ao sócio um prejuízo de R$ 2 milhões que até agora não tem culpado nem responsável, assim como não tem responsável pelas contratações erradas nem pelo fiasquento desempenho de 2013, que só em salários consumiu mais de R$ 120 milhões. São muitos milhões passando por mãos irresponsáveis que gastam sem compromisso, enriquecendo conhecidos empresários, jogadores, técnicos, executivos, e quebrando o clube que dizem amar. 

Por isso não me surpreendi quando li AQUI dos valores que o time da vila farrapos repassa a torcida geral, dos valores que chegam na casa do milhão. Lembro do Portalupi dizendo que aqueles eram torcedores de verdade que apoiam incondicionalmente ao time, pois então, a turma do apoio incondicional também quis participar da festa dos milhões gastos sem responsabilidade enriquecendo alguns.

Esse é o cenário dos clubes de futebol, um jogo de faz de conta, onde os que dizem amar o clube, movidos pela vaidade, gastam milhões sem preocupação, pagando mercenários que estão no campo, nos gabinetes e até na arquibancada, ganhando as custas da paixão, clamando por apoio incondicional, isso precisa mudar pelo bem do futebol.

André Flores
@ojogodointer





quarta-feira, dezembro 11, 2013

O que Vale Damião

Supostamente Damião foi vendido ao Santos. Acredito mesmo quando tiver no site do Inter, porque na imprensa não dá pra acreditar muito.

Mas de qualquer maneira..."antigamente se vendia 1 jogador por ano"...mas hoje com salarios inflados vai ser assim:

Vende Damião pra pagar folha salarial de Janeiro 2014 até Março de 2014
Vende Otavio pra pagar folha salarial de Abril 2014 até Maio de 2014
Vende ????? pra pagar folha salarial de mais uns 2 meses
etc etc etc sem contar as comissões de A, B, C e D....e E, F e G....

E não estou exagerando. Dizem que a folha atual é de 10 Milhões. Dizem que vamos ganhar 29 milhoes do Damião. Ou seja...Damião vale = Três meses de folha salarial!

Isso não é sustentável, vender "os craques jovens" do time pra pagar alguns miseros meses de salário. Tem é que parar de pagar salários astronomicos para pernas de paus. Isso sim! Diminuir a folha inteligentemente. Não é só porque alguem vai para o Inter que deve chegar ganhando 100, 150 mil ou mais por mês! E também temos que parar de repatriar/renovar velhos acabados com custo altissimo. O Inter parece não ter teto salarial...só ficam jogando mais e mais dinheiro fora. (Sempre lembrando Fernandão em 2006 era o salario mais alto...ganhando 60 Mil por mês).

PS: Minha opinião a suposta saída do Damião (pra pagar 3 meses de folha salarial) é uma baita cagada. O Damião em 2014 se jogar no Santos vai ser goleador do Brasileirão...anota aí. O que Damião precisa(va) no Inter é um novo ambiente DENTRO do Inter.

Terminamos um pessimo pessimo ano e a primeira coisa que Luigi faz? Vende nosso ultimo selecionável. Esse Luigi só pode ser Gremista.

PPS:
O pior é o seguinte gente. Jogadores, agentes e dirigentes sabem que mesmo inflados os salários atuais, eles sabem que comparado com o mercado mundial ainda há muito espaço pra inflar salários mais ainda. Olha os salários na Europa. Até em outros esportes nos EUA (tem Atleta semi-comuns em esportes Americanos que tem contrato de $100, $200, $250 Milhoes de dollars por 10 anos de contrato). Se a coisa continuar do jeito que vai...logo logo salarios vão rondar $1 Milhão por mês. Afinal....NINGUEM envolvido no futebol paga esses salários do bolso...tudo vem da torcida, tv, empresas. Todos as pessoas envolidas nos clubes so tem a ganhar com salarios maiores...o clube que se exploda mais tarde né?





Panela de Pressão

 Vocês já ouviram falar ou leram sobre pessoas que vivem como panelas de pressão?

Pois então. Posso até não ser o campeão mundial de neologismos, apelidos, figuras de linguagens, metáforas e assemelhados, mas tenho treinado pra isso, ou quase.

Essa idéia, a dos gênios "panela-de-pressão", é um conceito que tenho ha algum tempo. Esse tipo de gente só vive, reage ou trabalha quando a coisa está por estourar e quando tem um fogo no rabo. Pessoas assim, tocam a vida numa velocidade de cruzeiro baixa, com pouca atitude e baixo comprometimento. Porém, quando a situação aperta parece que não existe amanhã e põem todas as forças pra agradar o "chefe" (seja o patrão, a família, os clientes, a torcida...).

Nosso presidente é um exemplo. Daqui a duas semanas é o Natal, mais uma semana já estamos em 2014. É piscar o olho pra chegar maio e o presidente dizer que não teve tempo de planejar e organizar o ano do futebol no time e está sendo surpreendido pelo acaso ou de que estamos num momento de azar.
Triste chegar num ponto de total descrença. Ou seria de certeza? A incompetência tem disso: desanima. Falta brio, falta atitude... Só não faltou dinheiro.
Quem lembra como era sutil e agradável sonhar com o dia em que o clube teria dinheiro no volume que tem hoje? A gente acharia possível ganhar até, por baixo, uma Champions League, mas se contentava com uma libertadores e um mundial. De repente pegar o INTER de Milão "as devas". Contratar o melhor jogador da copa, contratar o ex-treinador da seleção brasileira ou, melhor ainda, ter o próprio Falcão, in bones and flesh treinando o INTER! Caceta! Ia ser demais... Ia, porque o Luigi conseguiu cagar até com isso.

O INTER de hoje se tornou a materialização daquele lugar comum de que "dinheiro não traz felicidade". Porque quanto mais o time arrecada, quanto mais dinheiro circula no caixa piores ficam as coisas. Quase rebaixados! Por Deus! Nem o time quebrado e devedor de anos atrás conseguiu ser tão vergonhoso como esse endinheirado e acomodado.
Algum gaiato vai dizer que o dinheiro é amaldiçoado. Eu digo que o dinheiro é a maldição de quem não tem cérebro e bagos suficientes pra fazer o,que deve ser feito: consegue destruir tudo a sua volta numa velocidade muito maior. Porque enquanto não pusermos fogo no lugar certo o clube seguirá ridiculamente na mesma marcha a caminho de um ponto sem retorno.
A solução dos problemas deve começar agora ou agora. Não há espaço para soluções paliativas ou politicagens. Agora é a hora do trabalho e foco no resultado de curto e médio prazo sem desgarrar do futuro. Porém, enquanto dizemos isso, na sala da presidência colorada em Porto Alegre...
PS: nesse ano fui contemplado com as quartas recebendo o Natal e Ano Novo. por conta disso tenho umas ideias de fazer um poucomdiferente neses dias. aceito sugestões via twitter @cristiandrs




terça-feira, dezembro 10, 2013

Zveitada 2?

Se o STJD, liderado por mais um Zveiter (filho do safado que em 2005 anulou 11 jogos tirando assim o Inter da liderança do campeonato...engraçado como esses cargos passam de Pai pra Filho né) favorecer o Vasco e de uma maneira ou outra dar pontos ou deixar o Vasco na Serie A, será uma tremenda irresponsabilidade porque aí manda a mensagem a tordas as torcidas e clubes na situação do Vasco: Cria confusão no jogo decisivo e teu time pode escapar do rebaixamento. Estarão premiando e dando uma vitória para os marginais que estavam brigando no estádio no Domingo. Aí podem ter certeza que isso vai se repetir no futuro.

PS: Tinha que acabar com esses marginais em estádios. O Brasil agora parece a Inglaterra nos anos 70 e 80. Nos anos 80 quando eu tava no Brasil isso não existia. Tinha brigas isoladas de vez em quando, saquinho de mijo...mas não essas Gangs que tem hoje em dia. Pior é que os clubes apoiam esses caras, dão ingressos, pagam viagens. É uma vergonha. Um dia será que alguem vai limpar o futebol Brasileiro. Em praticamente todos os aspectos o futebol no Brasil é uma vergonha.

PPS: Quando der um tempinho (to reformando meu banheiro e quando digo "tô reformando" isso significa EU mesmo e não um pedreiro contratado..na verdade Eu e minha mulher estamos reformando..meu Pai chega do Brasil hoje...prato ta cheio) vou fazer um update final para o ano na produção ofensiva...vamos ter o Prêmio BV...reformular a Lista Jihad e outras coisas mais...logo logo.

Como vocês podem ver estou de mãos cheias no momento!