domingo, novembro 30, 2014

A VAGA


Não é que o time tenha jogado bem, mas tem jogado com vontade de quem quer ganhar, lutado a cada bola, peitado o adversário, impondo respeito, afinal é a nossa casa.

Um BEIRA-RIO cheio, com a torcida empurrando faz toda diferença, opera milagres, fabrício marcando de cabeça e de pé direito, Paulão de bicicleta e etc..

Se não jogamos bem, pelo menos jogamos com garra, e conquistamos os pontos necessários para ir a Libertadores 2015. Com o tropeço do corintians hoje podemos alcançar a vaga para fase de grupos (que é bem melhor).

Se os resultados ficaram abaixo do que queriamos, a vaga (e a volta a Libertadores) e as eleições, permitem sonhar com um ano melhor em 2015.

Mas quem deu um show a parte foi a torcida, o BEIRA-RIO rugiu, fez o time correr mais, intimidou adversários, colocou o time no rumo depois do greNAL.

Ficou claro como a direção errou a mão na precificação dos ingressos, como ter a casa cheia faz a diferença, e não há dúvida de que isso foi nosso diferencial na reta final do campeonato.

Esse foi o último jogo do ano, acho que meu último vídeo do ano, e ficou um pouco mais longo que os últimos, pois queria quer vocês tivessem o gosto do que foi a vibração das arquibancadas, espero que gostem.

André Flores
@ojogodointer





sábado, novembro 29, 2014

Rumo Ao Mundial...?

Pra mim um ano de futebol não é UM ANO se não existe a possibilidade da gente chegar ao Mundial. Por isso os ultimos 3 anos tem sido dificil pra mim. Meio ano quase de Gauchinho...depois 38 rodadas de futebol melancolico, 10% do que um dia foi o Grande Brasileirão. Cada ano meu desanimo aumentava. Mas agora está garantido ao menos a CHANCE de ter realmente um verdadeiro ano em 2015 com a vitória de 3 a 1 sobre o Palmeiras.

Massssssss estamos longe ainda de qualquer garantia. Primeiro porque ainda estamos apenas na zona da Pré-Libertadores, seria importante ganhar do Figueirense e quem sabe acabar direto na Libertadores. A pré Libertadores é muito arriscado.

Masssssssss antes disso muito tem que ser feito, talvez nessa ordem:

- Eleger novo Presidente. Infelizmente com as duas opções a menos mal é Piffero. E como já conquistou uma Libertadores até merece uma certa confiança.
- Dar TCHAU a Abel.
- Contratar TITE. Conquistou Liberta e Mundial pouco tempo atras. Merece chance.
- Fazer as malas do Rafael Moura nem que seja pra ir pra India, Canada ou Sergipe.
- Reformular a zaga quase por completo. Uma defesinha dessas na Libertadores será nosso fim.
- Investir em alguns Prata de casa. Deu pra vê que temos alguns que podem nos ajudar em 2015.
- Começar a Libertadores com um elenco faminto. Uma boa mistura de jovens com outros experientes...mas todos com fome. É a velha 'Quimica' da qual escrevo aqui há muito tempo. Esse elenco atual até nem tem muitos acomodados, mas falta qualidade...especialmente no setor defensivo.

Começa fazendo essas coisas e podemos acabar em Japão em Dezembro.

Em 2006 tive no Japão..fiz a cobertura aqui pro BV e depois editei um documentario da conquista com filmagens exclusivas. Já é quase uma distante memoria...mas uma otima memoria, que fica melhor com tempo como um bom vinho. QUERO VOLTAR AO JAPÃO.

Aqui está o documentário completo para vocês curtirem e voltarem no tempo.

Tempo inesquecivel.





Inter x Palmeiras

POS-JOGO

INTER 3 x 1 Palmeiras
Taiberson (Dale)
Fabricio (Wellington Silva)
Valdivia (Aranguiz)


Mais um jogo suado mas matamos no segundo tempo. Fabricio poderia ser atacante se um dia precisar. O cara sabe das coisas lá na frente.  Agora esse Rafael Moura é um a menos em campo. Esse cara tá acabado.

PRE-JOGO
Vale vaga! Pra hoje mesmo, sem depender de ninguem mais. Nem de nos mesmos contra o Figueirense.

Sem desculpas. Tem que ser hoje!


Com emoção tbm serve

Quando incentivei vocês, meus companheiros de torcida, a ir ao estádio na semana passada ou, mesmo não podendo ir, vestir a camisa e colar na frente da TV para torcer pelo time, bem... naquele momento eu não imaginava...

Não imaginava o tamanho do sofrimento que viria, não imaginava o futebol vergonhosamente covarde e pobre que nosso time apresentaria, não imaginava que o alívio viria a 10 segundos do fim.

Como imaginar isso? Só sendo roteirista de cinema.

Mas, futebol também é feito disso. O lado bom: duvido que a indiferença de algum colorado, por maior que fosse, tenha resistido à emoção do jogo passado. Mas nosso papel não terminou. Temos hoje que terminar de cumprir nosso papel e apoiar o time novamente, enchendo nossa casa, cantando, vibrando, incentivando, acreditando. TV, rádio, internet, seja lá o que for: é dia de torcer!

Pode ser que não consigamos vencer. Pode ser que percamos. Pode ser sim e é melhor ter essa consciência. E, espero, que essa consciência EXORCIZE essa possibilidade.

MAS, novamente e mesmo temendo outra dose cavalar de sofrimento, devo insistir que o resultado não importa. O que importa é REAVIVAR O COLORADISMO. Importa sacodir a poeira destes quatro anos medíocres e acelerar o sangue vermelho nas nossas veias.

O início de um novo ciclo VITORIO'SO para o Inter começa neste fim de ano.

Colorados, nos vemos às 19:30.

E dá-lhe, Inter!





quinta-feira, novembro 27, 2014

Ainda não caiu a ficha

Eu ainda não consigo acreditar que Ele se foi. É surreal pensar que Ele morreu há uns meses atrás, de um jeito tão estúpido.

Como faz falta um líder daquele naipe. Tava vendo os vídeos do texto do Cristian de ontem (valeu Cristian!) e o cara se arrepia mesmo. Não é nem com as palavras, com o discurso em si. Prá quem já viu vários discursos motivadores em situações como aquela, foi bom, mas até que não foi nada de espetacular, na minha opinião. Mas o que destoa prá mim, é a vontade do Cara. É o tom de voz. É como Ele começa a falar pausadamente, e vai se emocionando, subindo o tom de voz, até chegar no gritedo alucinado no fim do discurso! É o que eu sempre quero no time, nos jogadores: atitude, "pô"!

Daí corta e mostra o Cara entrando em campo. Feito um guerreiro a frente dos seus comandados, pisando firme, cabeça levantada, olhando prá frente. Não vê a hora de começar o jogo. Nem vem que não tem. Sai da minha frente, vim ser campeão.

Essa semana eu mostrei minhas fotos da copa do mundo prá um amigo meu, e conversamos bastante sobre Ele. Mostrei as fotos do memorial que bati (não consegui escrever nada. Não tive palavras).




Repara ali, bem embaixo do "PARA", talvez a dedicatória mais tocante que eu li na parede.

Mostrei também umas fotos que bati de uma faixa muito bonita que uns torcedores fizeram no primeiro jogo - França x Honduras.


Esse meu amigo tava acompanhado da namorada que é paulista, e não sabia muito sobre o Cara. A gente começa a comentar, e não para de falar coisas legais, porque tem muita história, muita coisa que se ouve falar, e muito mais que se viu, se presenciou.
Um líder assim não se acha em qualquer lugar. É difícil de se criar um também.
Tivemos muita sorte de contar com um Cara como Ele. O Cara mudou nossa história.

Que 2015 venha, e com ele venha junto uma retomada dessa história. Chega de bananas. Que tenhamos um ou mais líderes com traços daquele que foi o maior que já vestiu vermelho no Beira-Rio.

Edit um dia depois: 

ps1. Essa porra do blogger não funciona direito qdo tu programa um texto prá ir pro ar num determinado horário. Botei 1 da manhã de brasília, quinta feira, e não funfou. Porcaria mesmo.

ps2. Sabadão completo 27 verões + 10 invernos. Se o presente não vier no campo, não tem problema. O presente de casa já foi muito melhor:


Mais um edit, no fim do dia (presente do meu pai):




VOTE






A importância do jogo de sábado e como o INTER deve estar mobilizado eu ja disse semana passada, não mudo uma vírgula do que disse AQUI. Já fiz meu check-in, o INTER vai ganhar com gol de bike do Paulão, de perna direita do Fabrício ou de falta do Rafael Moura, não importa como, importa é a vitória.

Mas o recado que quero passar hoje é para os sócios, quero pedir que tu vote na próxima eleição. Dia 13 de dezembro vamos escolher o próximo Presidente e o Conselho Deliberativo.

Podes votar pela internet, é fácil rápido e pode ser feito de qualquer lugar do mundo. Mudamos o estatuto para ter "patio" e o pátio é o mundo, você pode decidir o futuro do INTER do seu celular, tablet ou computador.

Para votar pela internet é preciso se cadastrar até o dia 07/12 (dómingo do jogo contra o figueirense) mas não deixe para depois te cadastra agora mesmo, acessa o www.amaioreleicaodomundo.com.br e ve lá todas as instruções.

Eu estou na Chapa 02, acho que fiz um bom trabalho e vou pedir o teu voto, mas isso é depois, outro dia, hoje meu recado é este, te cadastra para votar  pois nosso clube é referência em democracia, o sócio é quem decide o futuro do clube.

Independente de quem for teu escolhido, vote, participe, conheça as propostas, o que cada um já fez pelo INTER, se informe, mas sobretudo vote, não deixe de dar sua opinião nas urnas.

André Flores
@ojogodointer

ps.: Para quem não comprou ingresso ainda, há uma opção barata e interessante que é o pacote familiar da área da BRio AQUI



D&D

2 anos atras no Natal escrevi essa postagem sobre a então cogitada saida do Datolo e Dagoberto do Inter. Fui contra. Dagoberto que teve um dos melhores anos ofensivos do clube e que chegou ao Inter 1 ano antes com o Inter pagando mais de um milhao para o sao paulo para te-lo um mes antes do previsto. Datolo que teve uma  fenomenal primeira metade do ano e ai se lesionou. Quando retornou não teve muitas chances.

Na minha opiniao faltou, como em muitos instantes no Inter, bom gerenciamento dos atletas, de suas cabeças. Ou seja faltou comando. Faltou Tato. Agora estão aí somando titulos. Nem vou falar nos outros caras no Cruzeiro e galo que mandamos embora que se deram bem. 

Leiam o post originalClique aqui


quarta-feira, novembro 26, 2014

Sem Título

Um belo dia a pessoa acorda e tudo está diferente. Tudo a sua volta está igual, no mesmo lugar, com suas obrigações e distrações, mas a pessoa está com uma mentalidade diferente. Ela vê os fatos de sua vida de outra forma e começa, a partir dali, a interagir de outra maneira com o mundo externo a sua cabeça. Acredito que muita gente passou e passa por isso. 

Isso é aquele ponto que temos um objetivo na vida, chegar em algum lugar, e o caminho vai nos mudando (normalmente para melhor). É o que vai agregando a sabedoria dos anos futuros. 

Já alguns dormem e acordam todos os dias vendo tudo igual, o que não dá certo é culpa dos outros e acaba usando os mesmo métodos de sempre para atingir resultados de nunca. E os objetivos? Se o vizinho compra um carro novo, é preciso comprar um carro novo. Compra o carro, prospera e quando tu acha que vai estar numa oitava acima segue o mesmo tom de antes cuidando o que o vizinho, o colega de trabalho, faz de novo ou compra de interessante. Por quê? Porque temos de ser maiores... 

A gente sabe que dimensionar nossa caminhada pelos passos dos outros é a medida da mediocridade. MAS, no futebol, é o escudo perfeito. Atiça o torcedor apaixonado e um ataca a torcida do outro e esquecem o que realmente deve ser cuidado.

Chegamos ao fim de mais um ano sem levantar o troféu do Campeonato Brasileiro. Da última vez que fizemos isso, foi com tamanha autoridade - INVICTO, que nos encheu de esperança... Mas que boa vontade que dura 35 anos?

Isso não é o problema. Problema é perdermos seja por causa do gramado, do calendário, da sorte, porque a esposa do técnico estava menstruada... Enfim, o que não falta são desculpas. Até algum gaiato vai encher os pulmões de ar e dizer "mas ganhamos em 2005 e nos garfearam, tiraram na mão grande". Certo. Justo. Mas e depois disso, quando compramos nosso carro novo, o que foi feito? Quem assumiu a responsabilidade e avisou um por um que podem ser melhores que eles mesmos e só assim se é vencedor. Como disse a plenos pulmões nosso Eterno Capitão Eterno no clássico discurso da DO-A-ÇÃO! 



Espero, vejam bem, espero que o objetivo mínimo seja alcançado. Deveria ser efeito colateral de não alcançar o título, não o objetivo velado desde que inciou o campeonato. Acho que ficou bem claro pelas ações, contas e discursos de que o objetivo era a vaga e o título uma possibilidade. Esse tipo de mentalidade que nos fode, puxa o freio de mão do time. Mas enfim... era Luigiana é isso.

Bora pra cima do "Parmera" e que o ano que vem já comece a ser planejado desde já.


@cristiandrs










terça-feira, novembro 25, 2014

Divina providência

O Inter se esforçou (e como) para ficar fora da Libertadores.

Perdeu jogos chaves (Corinthians em casa, Grenal...), naufragou contra equipes fracas (Chapecoense, Vitória, Figueirense...) e teve desempenho rídiculo no enfrentamento contra os concorrentes diretos (0 ponto contra Corinthians e Cruzeiro, 1 contra SP).

Tudo isso é fruto de uma queda de desempenho gritante em relação ao 1º semestre (nem tanto em pontuação - já que fizemos 34 pontos no 1º turno e já temos 29 no 2º - mas em desempenho e qualidade de jogo).

O cenário que se projetava era terrível: talvez nem com 2 vitórias e 1 empate nos últimos 3 jogos a vaga fosse alcançada (dependeria de resultados paralelos). Após uma semana com derrotas consecutivas do coirmão (que "dó"!!!) o cenário mostra-se bem mais favorável: é necessário apenas 3 pontos (ou 1 vitória) para regressarmos a Libertadores.

O que realmente assombra é que se o futebol anda insatisfatório, os bons ventos estão soprando a favor. Em 2 jogos fundamentais, dupla intervenção divina: gol de bicicleta (?!?!) de Paulão e tento de Fabrício no apagar das luzes em um lance totalmente fortuito. A maré anda tão a favor que até pênalti claríssimo foi ignorado.

A situação atual poderia ser resumida num daqueles tradicionais ditados que ouvimos desde sempre: "mais sorte que juízo". Seria prudente o Inter diminuir essa dependência do bom humor dos deuses do futebol, mas para isso vai ter que começar a jogar bola, algo raro nas bandas do Beira-Rio recentemente.

O confronto que se avizinha de nada parece fácil: depois de precisar parir uma bigorna pra vencer o Goiás e ser envolvido pelo time reserva do Galo, e sem nunca esquecer nossa famosa fama de ressuscitar mortos, nada mais parece surpreender quando se trata do colorado.

O que fica é que o confronto com Palmeiras tem todos os ingredientes que deixam qualquer colorado alerta: jogo decisivo, equipe vinda de resultados favoráveis, em casa, equipe adversária em péssimo momento, jogando sua vida, enfim, o tradicional cheiro de "tragédia" impregnado no ar.

Para não dar chance ao azar, está na hora de nossa equipe voltar a fazer um bom jogo e não repetir os defeitos que se manifestam de maneira recorrente nos últimos embates: pouca contundência, lentidão na transição entre os setores e má jornada técnica de nossos principais jogadores (Aranguiz, D´ale, Alex...).

Um ponto muito importante, e dificil de endereçar a curto prazo, é a vísivel e preocupante queda física: jogadores parecem cansados, sem explosão e com pouca movimentação de nosso setor ofensivo.

O Inter não consegue fazer pressão alta, não tem saída em velocidade e a equipe rival parece estar sempre voando, ao passo que a nossa se arrasta de maneira modorrenta em campo.

Esta queda de produção no 2º semestre em muito se explica neste declínio físico, e o Grenal deixou bem visível o abismo na preparação entre as 2 equipes. Claro que a idade avançada do plantel como um todo (uma das maiores médias da série A) também tem sua influência, mas ao meu ver este é um grande ponto a ser melhorado no ano vindouro (alguém por exemplo sabe o nome do preparador físico do Inter?).

O Inter tem a faca e o queijo na mão.

Uma vitória garante volta a Libertadores e todos os esforços serão concentrados neste fim.

A torcida colorada deu show contra o Galo, e tudo indica que não será diferente contra o Palmeiras.

A Libertadores caiu no nosso colo. Agora só é necessário o time retribuir e jogar bola. Porque contar sempre com a sorte é brincar com fogo.

E a nossa cota de milagres por este ano parece estar no limite.

SC
@Davi_Inter_BV


segunda-feira, novembro 24, 2014

ALERTA!

Ainda não tem NADA garantido. NADA.

Não vamos esquecer que estamos falando do Inter da era Luigi. Um time mais previsivel pelo seu pessimo futebol do que o contrário. Em 36 jogos, quantos deles no fim estávamos maravilhados com o futebol em campo? Serio...quantos?

Alem disso o adversário Sabado é o Palmeiras. 1 ponto da zona do rebaixamento. Virá lutando por sua vida. Além disso não precisamos voltar tão longe no passado (2013) pra lembrar que há corrupção, roubalheira, e malandragem confirmada no futebol Brasileiro. Alguem pagou alguem para a Portuguesa cair ano passado para salvar ou Fluminense (que foi salvo) ou algum outro. Então nunca se sabe o que está occorrendo atras de portas fechadas.

Ou seja, por tudo isso, uma vitória do Inter não é nada garantido. Longe disso.

Agora uma das razões pela qual não gosto de pontos corridos (e gosto por outras razões) é o fato de que só agora...nas ultimas rodadas o time e a diretoria estão "Ligados". Dá primeira rodada até lá a trigésima, viviam apostando em "recuperação de pontos mais tarde" (algo que não existe). A diretoria só agora decidiu baixar preços pra colocar mais torcedores no estádio...agora que realmente precisam. Porque o Inter em geral esperou tanto pra se ligar? Por isso, mata mata é bom...não tem esse de "recuperar pontos". It's now or never. (BV Girias em Inglês #1987)

Muita cautela. Um tropeço contra o Palmeiras complicará a situação e muito. Nada está ganho ainda. Temos que entrar contra o Palmeiras mais ligado que contra o Galo...e com certeza vamos ter que jogar muito mais.



domingo, novembro 23, 2014

EU QUERO O TRI

Ontem foi um daqueles jogos inesquecíveis, carregado de emoção, qyue a torcida saiu do estádio confiante, que matou os secadores do coração, enfim,  daqueles jogos que valem a pena assisir.

Nosso time não jogou bem, cedeu o empate (em penalti bobo) logo após sair vencendo, não chegou a acumular chances de gol ou fazer grande pressão, mas e dai????

Na base do abafa, meio desorganizado, empurrado pela torcida que encheu o BEIRA-RIO e esgotou os ingressos, num lindo sábado a noite venceu com gol no minuto final dos acréscimos, foi suado, foi angustiante, mas não foi sofrido, sofrido foi para os secadores do humaitá que viram o COLORADO se consolidar na briga da vaga.

O Gol do Fabrício explodiu o estádio, a torcida ficou em pé, cantando e empurrando o time, o BEIRA-RIO rugiu e a vitória veio na emoção, agora é secar os adversários e lotar o estádio no próximo sábado para mais uma vez ajudar o INTER a vencer.

André Flores
@ojogodointer

ps.: A redução dos preços dos ingressos e o estádio pulsante mostra como é importante a torcida e como a presença do torcedor tem de ser mais valorizada.






sábado, novembro 22, 2014

INTER x Galo

2 tempo
Por isso tu nunca leu um mau comentario meu sobre o fabricio. Podem procurar nao vao achar. Gosto dele. Eh meio burro as vezes defensivamente mas é um lateral que faz gol e disso eu gosto. Ele é clutch (dicas girias em ingles #1532). Jogada começada por Taiberson, com assistencia de Valdivia e correria e conclusão perfeita do Fabricio. Viu como é bom ter uma gurizada no time. O banco salvou o time hoje no fim. Taiberson entrou bem. Rafael Moura alem do gol facil foi ridiculo. Quiz enfeitar num chute e perdeu gol feito. Depois deu duas cabeçadas com gol aberto, por cima. Jogador inutil. Os gols que ele faz qualquer um faz. E no gol do fabricio graças a deus entrou direto pois he man tava impedido se a bola fosse pra ele. 

Alem disso tava pronto pra escrever que tenho vergonha do futebol desse time. Nao é por causa do gol no fim que isso muda. Nao vamos nos enganar. O Inter precisa uma remodelacao rapida apos o brasileirao se é pra disputar libertadores. Na presidencia teremos. Precisamos no campo tambem.

Inter 2 x 1 Atletico-MG
PRODUÇÃO OFENSIVA
Rafael Moura (J.Henrique) Moura chega 43 pontos é lider. JH chega aos 8.
Fabricio (Valdivia): Fabricio faz seu oitavo com e tem 10 assistencias para 26 pontos e quinto lugar. Valdivia sobe para 8 pontos com 2 gols e 4 assistencias.
Detalhe: O passe anterior nos dois gols foi do Dale em lançamentos a JH e Valdivia. Especie de Pre-Assistencias.


1 tempo
Inter ridiculo. Resrvas do galo dominaram. Heman fez primeiro mas galo logo empatou com penalti. Depois juiz deixou de dar outro obvio penalti ao galo. Talvez pq o primeiro foi duvidoso. O inter jogou nada. Baloes e passes errados e nada mais. Pathetico. 10 milhoes por mes mas tecnico de meio milhao por mes e nada de padrao de jogo. 


Pre-jogo
Hoje é 1/3 TUDO ou NADA!

Ou seja, hoje é a primeira vitoria de possivelmente 3 que vamos precisar ou ao menos 2 vitorias e um empate na ultima rodada. Então hoje não é TUDO OU NADA....hoje é 1/3 TUDO ou NADA. Porque derrota ou até derrotinha (empate em linguagem fora do BV)praticamente acaba com vaga na Libertadores.

Precisamos ganhar pra realmente merecer lutar pela vaga.

Estou cautelosamente confiante. Ainda mais com retorno do Alex, Aranguiz junto com o Dale.

Vamos Colorado!

PS: Faltam poucos dias pro Luigi Vazar pra sempre!

Gostei ou Não
14
1

i


sexta-feira, novembro 21, 2014

Sobre jogos e eleições

Bem, não dá pra negar que podia ser pior.

Por um lado, chegamos ao fim de 2014 sem atingir os dois mais importantes objetivos para o Inter: o título do Brasileirão e a mudança do grupo que vem dirigindo o Inter. Por outro, poderíamos estar vivendo uma plena continuidade das mazelas e problemas do clube, mas não é o que ocorre. Se não estamos disputando o título, pelo menos estamos brigando por uma colocação decente, que nos colocaria na Libertadores de 2015. Ao mesmo tempo, se não vamos ter uma troca DE FATO do grupo que vem dirigindo o Inter, pelo menos teremos o fim da "era enGauchão-Estádio-Luigi".

Podia ser pior, então vamos curtir um pouco o momento.

MAS, é nestes momentos que temos que redobrar a atenção.

Enquanto torcedores, vamos mesmo LOTAR o Beira-Rio nos dois jogos que restam lá e vamos curtir a sensação de ter algo digno pelo qual torcer e cantar. Eu gostaria muito de estar aí em POA para poder ir ao estádio. Todos os colorados devem se esforçar para estar lá, não tanto para "fazer sua parte" mas sim para ter um pouco de emoção pura nesta reta final. Há muito nosso Inter nos impõe a escolha de ficarmos indiferentes, anestesiados, para não sofrer e não se frustrar o tempo todo. Pelo menos, falo por mim.

Mas nestes dois jogos, esqueçamos a anestesia um pouco. Vamos vestir a camisa, ir ao estádio, sintonizar a TV ou rádio, acompanhar na internet. Seja como for, vamos VIVER esta paixão reprimida nestes jogos finais.

O resultado pode ser negativo, "bate na madeira, toc, toc, toc", mas NÃO importa. O mais importante é recuperar o COLORADISMO que nos irmana e impulsiona, pois 2015 reserva novos horizontes.

E então me volto para as eleições e o Pífero. Quero crer que não há dúvidas de que Pífero vai vencer a eleição. Medeiros vencer? Bate na madeira novamente e com força! Toc, toc, toc! Teremos um MAIS-DO-MESMO-ALTERNATIVO em 2015 que, se não indica mudanças radicais, pelo menos nos dá alguma razão para acreditar que as coisas devem sim melhorar. PÍFERO se mostrou um presidente bem MAIS CAPAZ do que Luigi em termos de gestão do futebol, EMBORA tenha cometido grandes falhas e seja o responsável pelo MAZEMBAÇO.

Por esta razão, conclamo meus irmãos colorados a VIVER AS ELEIÇÕES pra valer. Reflitam com seriedade e votem com amor ao Inter, dando-lhe a chance de ter novos rumos REAIS. Se a direção ainda manterá laços com o grupo de sempre, podemos RENOVAR O CONSELHO, colocando ainda mais gente dos grupos alternativos. Então, peço a vocês que votem nas chapas alternativas para o conselho, para que este possa realmente ser renovado e, assim, permitir que uma chapa de real oposição surja nas eleições de 2016. Votemos com sabedoria!

Da minha parte, guardarei a corneta na gaveta (do rack da sala, pra não ficar tão longe...), vestirei minha camisa vermelha e, se não vou ao estádio por impossibilidade, estarei em frente à TV/internet acompanhando nosso Inter. Quanto à eleição, já optei pelo voto online e farei meu papel de sócio na data marcada.

E, assim, oxalá em 2015 possamos ter o Pífero disputando a Libertadores e tendo que responder a um conselho renovado, sem os compadres tipo os P166...

Dá-lhe Inter!





Agora é com nós!

Fluminense perdeu pro Chapeco. Tomou 4 em casa. 
Grêmio perdeu pro Cruzeiro em casa!

Tudo perfeito!

Agora tá na nossas mãos!

Minha mensagem:

DON'T FUCK THIS UP!!!!!!!!!!!!!!!!

O galo TEM que sair derrotado do Beira Rio!

E mais uma vez parabens pro Cruzeiro. Atualmente um exemplo de clube bem dirigido. 





quinta-feira, novembro 20, 2014

TEM QUE VENCER

Sábado o BEIRA-RIO vai estar lotado


Leio AQUI que os ingressos para o jogo de sábado estão esgotados, e isso me faz refletir um monte de coisas. A primeira delas é a incrível capacidade de mobilização do torcedor COLORADO.

Basta o time precisar de verdade que a torcida está presente, disposta a ajudar a empurrar o time para a vitória. A segunda é como o ingresso caro afasta o torcedor, sei que o futebol não é barato, mas é preciso encontrar um equilibrio entre o preço do ingresso e o que o torcedor pode pagar para termos sempre casa cheia.

Mas o mais importante (neste momento) é que a torcida compreendeu a importância desta partida, o quanto essa vitória pode significar, e já que a briga pela vaga é o que nos resta, vamos lutar por ela e conquista-la.

Espero que os jogadores, comissão técnica e dirigentes, mobilizem nosso time, que em campo se veja o mesmo compromisso das arquibancadas, que a em campo sobre garra e vontade para essa vitória.

Eu vou, já fiz check-in, vou levar a camera, mas sobretudo, vou cantar a apoiar nosso COLORADO para essa vitória, e quero o time lutando em campo, pois esses 3 pontos são fundamentais.

Eu queria o título, não deu, então vamos para a vaga, e ela ta difícil,  para conquista-la é funcamental a vitória, então vou fazer a minha parte, e que a mobilização da torcida sirva de inspiração para o time em campo.

André Flores
@ojogodointer






quarta-feira, novembro 19, 2014

Romantismo #SQN

Não se assuste como essa história começa, ainda estamos falando sobre futebol...

O amor não existe. Esse é um conceito meu que divido com vocês. Que amor? Todos! Digo mais: a gente se ama tanto, mas tanto... que passa a vida toda procurando alguém que nos ame tanto quanto. Isso quando não nos apaixonamos antes por alguém que acreditamos que nos torna mais amáveis.


Sem Palavras! Eterno Capitão Eterno...
Não sei os outros mas meu INTER de todos os tempos tem Falcão e Fernandão
O que é o amor aos filhos, por exemplo, senão o amor a sensação de eternidade por ter uma continuidade após a morte (essa roubei do Platão - em O Banquete). 

O que é o amor a um time de futebol, senão a extensão de nosso ser por tornar numa dimensão colossal que tudo pode, inclusive conquistar o mundo e ser melhor do que tudo e todos... Agora as coisas começaram a fazer mais sentido?

Acho que todo mundo conhece um "Filha-da-puta" que não ama nenhuma e todas o amam. Assim, espero que estejam entendendo onde eu quero chegar: quem sublima essa paixão pelo clube e consegue pensar acima dela (dirigentes, jogadores, profissionais em geral) acabam tirando proveito da paixão da torcida e lucrar mais.

Fui ao estádio domingo e achei fraca a atuação do INTER. Parecia que eu estava vendo um jogo do Camobiense (meu time de coração da várzea, que não existe mais :/ - poderoso no final dos anos 80/começo dos 90) contra um time qualquer. Se bem que é até maldade com o saudoso Camobiense, o Sid era um atacante muito mais mortal que o Shhh-man, o Preto muito mais seguro que Paulão - apesar de nunca ter visto um gol de bicicleta. Mas enfim, o camobiense era muito melhor organizado taticamente. Isso que o guris recebiam as camisas no vestiário e descobriam o que iam fazer 15 minutos antes do jogo. 

Acho que nem preciso dizer que eles não ganhavam nada pra jogar, já no Inter há tantos "interésses"....







terça-feira, novembro 18, 2014

Eu Vi o Futuro e ele é ...

Por incrivel que pareça .... Abel Braga!

Não custumo mais ouvir Sala de redação. Faz tempo. Qual era a moral de escutar os mesmos caras que estão lá a decadas, falando as mesmas bobagens de sempre? Mas com a entrada do Fernando carvalho decidi hoje escutar pela primeira vez. Afinal, é o Presidente Campeão do Mundo, pode dar uma perspectiva nova...e melhor...pode largar algumas infrmações de bastidores nunca antes falado.

Então dei uma chance e sintonizei no mei ipad.

E não é que foi uma boa! O Fernando Carvalho da qual respeito muito pelo que ele fez no Inter de 2002-2006 me largou uma que é de se assustar. É de preocupar. É de confirmar que futebol é 'Cumpadres' antes da racionalidade.

Num momento o Sala falava sobre demissões de tecnicos e FC me larga essa aos 29:05 do programa "Aqui que quero defender o Abel...qual a alternativa no mercado pra subsitituir o Abel? Quem? Quero ver? Qual a alternativa??"  Segundo FC, não tem. Até Pedro Ernesto e Guerrinha falaram que tem varios. Mas segundo FC não tem. Abel Braga hoje, 2014, é o unico tecnico NO MUNDO disponivel para treinar o Inter.

PARA O MUNDO QUE EU QUERO DESCER!!!

Não existe outro tecnico em qualquer canto do Brasil ou mundo que pode substituir hoje o Abelão segundo o Fernando Carvalho. O Abelão...um tecnico da decada de 80 que perambulou por clubes sem ganhar nada até que por acaso no rodizio de tecnicos teve sua chance em 2006 com um time faminto feito pelo Muricy. Não que ele não tenha tido seus meritos, mas é o fim da picada ouvir o Fernando Carvalho falar isso.

PIOR.....

Isso claramente me mostra o que vai ocorrer logo logo no Inter. Anotem aí:

FC é obviamente muito amigo do proximo Presidente Piffero. Não sei se pensam exatamente iguais mas há boas chances de que se FC pensa isso sobre Abel, Piffero deve pensar tambem.

Então o que vai acontecer?

Um mini-Enganaúchão. Sabe...ganha um Gauchão e tudo de ruim é esquecido...pois bem....basta o Abel classificar o Inter pra Libertadores 2015 que EU..TU...A TORCIDA em geral vai estar feliz da vida. Isso vai nos cegar..vão comemorar como titulo e consequentemente Abel vira heroi...ninguem mais vai se lembrar de Chapeco, Grenal, Figueirense...

Então o que acontece: Classificados pra Libertadores, Abelão é heroi...Piffero pensando como FC vai obviamente Renovar o contrato do Abel...Abel vai embolsar mais um 100 ou 200tinhos por mês e vai nos comandar na Libertadores 2015.

OU SEJA:

Mesmo ganhando a gente perde. É fueda!!

A unica espança é de que Piffero não pense 100% igual ao FC.

Ou estou errado...Abelão seria o cara certo na Libertadores 2015? E a copa do Brasil e sulamericana 2014 onde não passamos da primeira fase...como fica?





Apogeu e queda

O que há de comum nos anos recentes além de decepções no futebol do Inter? Respondo: quedas ACENTUADAS de produção no 2º semestre.

Nos últimos 3 campeonatos (inclusive no ano passado, onde quase caiu) o Inter oscilou entre postulante a títulos a figurante nos últimas semanas do ano. O desempenho da equipe no 2º semestre, especialmente em setembro, outubro e novembro tem sempre caido vertiginosamente.

Este ano apesar de nosso amado time ainda estar brigando por Libertadores talvez até a última rodada, deixamos de ser o real perseguidor ao Cruzeiro (e com diferença de vários pontos para as equipes de fora do G4) para ser a equipe que precisa vencer todos os seus jogos restantes ou terminar ter que torcendo por resultados paralelos, o que por si só é uma frustração considerável.

A queda de desempenho é díficil de explicar, mas é possível elencar alguns fatores, em ordem de importância: plantel com elevada média de idade, preparação física deficiente (e consequentemente lesões em abundância), desequilíbrio técnico na composição do grupo (algumas posições com absurda deficiência de reposição e qualidade, sobrecarregando alguns jogadores), baixo aproveitamento da base entre outros.

Entrando no campo subjetivo é possível também alegar que a queda de desempenho também reside (ou origina-se) na falta de uma política de futebol clara, com reflexo na comissão técnica e  jogadores, onde falta mentalidade de equipe vencedora e comando para manter os atletas motivados e focados em vencer TODAS as competições possíveis.

E assim é composto o cenário (re)corrente do colorado no final de ano: precisamos vencer as duas partidas em casa para chegar com reais condições de vaga na última rodada. Classificação com pontuação de 4 a 6 pontos nestes últimos jogos irá depender de uma série de resultados paralelos que parecem improváveis de momento.

A realidade é que todas nossos concorrentes ao G4 estão em melhor momento técnico e em curva ascendente, ou seja, jogando muita mais bola que nós.

Além da campanha fraca nos chamados confrontos diretos, o Inter especialmente pecou em confrontos chaves: as derrotas para Corinthians e Grêmio não apenas geraram uma carga de pressão extra nos ombros do time, mas também reabilitaram rivais diretos, que hoje parecem muito próximos a vaga devido a suas ultimas atuações.

Não há outra alternativa: é aproveitar a promoção (e o preço) e lotar o Beira-Rio para vencer o Atlético Mineiro nem que seja na marra. Se a Brio tiver um mínimo de visão estende a oferta para o jogo contra o Palmeiras, ambos jogos chaves para o resultado final do semestre (e do ano).

Com o Gigante rugindo é vencer ou vencer para atingirmos o prêmio de consolação e começar 2015 planejando um investimento maior advindo das receitas vindouras da competição continental. Ou seja, há muita coisa em jogo.

Sábado é dia de matar ou morrer.

A torcida colorada sempre faz a parte dela.

Cabe ao time fazer o mesmo.

SC
@Davi_Inter_BV



segunda-feira, novembro 17, 2014

A VAGA



Nem preciso repetir que a qualidade do elenco e o tamanho da nossa folha de pagamento, o nosso INTER merece e podia muito mais que a vaga na Libertadores, mas a vaga é o que nos resta neste final de campeonato.

Então vamos conquista-la da forma que sabemos vencer, com o BEIRA-RIO rugindo, com o time ganhando no abafa, nem que para isso o Paulão precise fazer um gol de bicileta.

Foi assim ontem, vai ser assim semana que vem (com ingressos a preços reduzidos) o BEIRA-RIO,  a torcida, vai empurrar o time para a vitória, vai ser assim contra o Pailmeiras e se precisar vamos invadir Floripa e ganhar do figueirense na última rodada.

Se neste ano o time rendeu abaixo do que esperávamos e podiamos, o clube é muito maior que isso, queremos essa vaga, queremos voltar a jogar uma Libertadores, e o BEIRA-RIO pode estar remodelado, mas a torcida tem que ser a mesma empurrando o time para grandes conquistas.

Mais ou menos esse é o sentimento das pessoas com quem conversei no jogo ontem, o meu inclusive, esse era o clima na saida do jogo (como podem conferir no vídeo acima), espero que gostem.

 André Flores
@ojogodointer

ps: Sobre eu estar com a camisa da Chapa 02, não é meu objetivo usar este espaço para propaganda desmedida ou panfletário, ocorre que essa é a camisa que eu fui ao jogo, não tinha outra, e penso que seria pior se eu fizesse o comentário sem camisa ;).






3 no banco!

O primeiro passo foi dado. Graças a um golaço de bicicleta do Paulão. Paulão por sinal autor do gol tambem contra o San Pablo. A essa altura não me interessa como se ganha, vindo 3 pontos é só o que importa. Precisamos MUITO disputar a libertadores. Muito. Mas se bem que nossos atacantes poderia fazer uns gols né.

Precisamos ganhar as proximas duas em casa e torcer para que os resultados paralelos ajudem. Há alguns confrontos diretos entre rivais que devem nos ajudar pois alguem terá que perder pontos. Mas o nosso foco tem que ser conquistar 6 em casa e ai ver o que resta pra ultima rodada. 

Vamo Colorado! 

Veja os lances da camera do nivel do gramado aqui http://youtu.be/XP64PDhcs4Y

Inter 1 x 0 Goias Gol Paulão (Dalessandro)

E atualizando
Inter 1 x 1 SP   Paulao (bertotto)


domingo, novembro 16, 2014

Inter x Goias

Vencer, vencer e vencer. Essa é a lei para as três partidas em casa começando hoje. Se quizermos disputar a libertadores isso é essencial. 

Até to dando uma trégua no SC Luigi. Hoje é Inter. Temos que vencer!! 

Mesmo sem nilmar, sem
Alex sem aranguiz. temos que ganhar. 

Vamos colorado!


sexta-feira, novembro 14, 2014

Quando Brasil Reinava



Tinha uma epoca antes de eu e provavelmente você nascer que o Brasil estava no seu maior reinado no Futebol, era Campeão do Mundo no basquete e que tambem estava no topo da Musica mundial. O Brasil começava a explodir na cena Mundial nos esportes e nas artes. O futuro era promissor!

Sobre futebol, todo Brasileiro já sabe. Sobre basquete boa parte dos Brasileiros sabem. Mas sobre musica eu temo que boa parte da população não sabe exatamente a dimensão que a coisa tomou naquela epoca. E isso é uma grande pena.

A ano era 1962. Os Beatles ainda não tinha feito impacto algum. Elvis já não era mais novidade. Blues ainda era undergound. E foi aí que um novo estilo de musica Brasileira chegou as praias Americanas e virou febre mundial. Bossa Nova. E por varios anos.

Em 1961 um trio de Jazz Americano liderado pelo Guitarrista Charlie Byrd passou uma temporada no Brasil fazendo shows. Sua viagem foi patrocinada pelo governo Americano. Com o passar do tempo Bryd e sua banda conheceram musicos Brasileiros e em especial conheceram o novo som no Brasil criado por em parte João Gilberto e Tom Jobim. A Bossa Nova, que era um "Samba-Lite", bem mais contido, melódico e tambem com influências do Jazz Americano.

Os musicos Americanos se apaixonaram com o som e voltaram aos EUA com muitos discos Brasileiros e tambem com o Know-how depois de tocarem juntos com Brasileiros em varias occasiões.

Byrd decidiu que queria gravar um disco com esse novo som e lançar nos EUA. Até então, virtualmente ninguem conhecia Bossa Nova nos EUA. Apenas um DJ de uma radio de Washington que tinha conseguido discos Brasileiros ainda nos anos 50 insistentemente tocava Bossa Nova no seu programa de Jazz. Mas o impacto era quase zero.

Em Fevereiro de 62 durante o inverno frigido de Washington, Byrd alugou o salão dentro de uma igreja da cidade por $50. A igreja que hoje ainda está lá foi esconhida por sua acustica e tambem porque ele a frequentava.

Byrd montou sua banda com os 2 musicos que foram ao Brasil com ele o Baixista Keter Betts e o batera Buddy Deppenschmidt. Mas ele precisava algo a mais para gravar essas musicas instrumentais e esse a mais foi o Saxofonista Stan Getz.

Getz já tinha tido bastante sucesso em Jazz mas não conhecia ainda a Bossa Nova. Quando Bryd tocou os discos pra ele Getz immediatamente soube que ele poderia tocar nesse estilo musical.

Estava combinado. Dia 13 de Fevereiro de 62 o quarteto mais 2 musicos de apoio iriam se encontrar em Washington pra gravar 6 musicas de autoria de Brasileiros (Jobim incluido) e mais uma Bossa Nova de autoria do proprio Byrd.

Em menos de 3 horas as 7 musicas foram gravadas...sem ensaio...Getz havia chegado de New York City...gravação começou ao meio dia (temperaturas 10 abaixo de zero fora da igreja) e antes do jantar Getz já havia voltado a NYC. O Disco "Jazz Samba  Getz/Byrd" estava gravado.

Eles não tinham a minima ideia do que iria aconteceria.



Bossa Nova era tão novo nos States que eles nem ousaram usar o termo "Bossa Nova" ainda. Chamaram o disco do mais explicativo "Jazz Samba". A musica de trabalho do disco era "Desafinado". O Disco foi lançado em Abril de 62 e logo pegou fogou. Em pouco tempo vendeu 500 Mil copias e fez o impossivel. Foi o primeiro e unico disco de "Jazz" a ser #1 na Lista Pop da Billboard.

A partir desse momento...todo mundo queria gravar Bossa Nova. Elvis gravou "Bossa Nova Baby", Eydie Gormé gravou "Blame it on the Bossa Nova" e dezenas de outros artistas fizeram o mesmo. A musica parecia caber direitinho no momento.

Artistas Brasileiros em especial João Gilberto e Tom Jobim praticamente ganharam uma loteria da noite pro dia. A imagem que a bossa nova passava do Brasil aos Gringos era uma de sofisticação e qualidade, o disco Jazz Samba por exemplo na sua coleção era tido como estampa de bom gosto.

Mas a febre da Musica Brasileira estava apenas começando. O saxofonista Stan Getz não ficou satisfeito apenas em fazer Jazz Samba. Ele queria continuar gravando Bossa Nova e de preferência com os homem mesmo...João Gilberto e Tom Jobim. Ainda em 62 ele gravou o disco "Big Band Bossa Nova" ainda sem muita mão Brasileira. Em 63 gravou "Jazz Samba Encore" dessa vez com o Brasileiro Luiz Bonfá.

Mas foi dois meses depois de gravar Jazz Samba Encore em 63 que Stan Getz gravou o que seria sua obra prima e que daria um outro enorme impulso para a musica Brasileira no Mundo:  O Disco "Getz/Gilberto". O Disco tinha a direta participação do João Gilberto no Violão e vocais e do Tom Jobim no piano. Uma musica no disco viria a ser a segunda mais regravada musica de todos os tempos atras apenas de Yesterday dos Beatles: "The Girl from Ipanema" com a mulher e novata Astrud Gilberto cantando em Inglês. Se Bossa Nova já era grande na epoca essa musica fez da Bossa Nova uma mania. O Disco Getz/Gilberto ganhou Grammy de melhor disco do ano (unica vez para um disco de "Jazz" até recentemente), vendeu milhOes de copias e só não foi #1 na Billboard por causa dos Beatles (chegou a #2). Eu conheci esse disco em 92 quando trabalhava numa loja de discos e sempre foi meu favorito disco de "Jazz". Só agora estou indo mais fundo nos outros discos mencionados.


Confere ai Getz com a Astrud num programa de TV tocando o hit.


Mas talvez a cereja do bolo na Bossa Nova aconteceu em 1967 quando Frank Sinatra gravou um disco de igual pra igual com Tom Jobim. O Classico "Francis Albert Sinatra & Antônio Carlos Jobim". Sinatra cantando e Jobim tocando. Todas as musicas no disco de autoria do Jobim.O disco foi um sucesso e foi nominado a Grammy de melhor disco do ano. Perdeu para Sgt. Peppers dos Beatles.

Esse clip abaixo mostra o quanto Sinatra respeitava Jobim. E ao ponto que a musica Brasileira chegou. Esse clip é "Anos 60 Cool" ao maximo.




Infelizmente a musica Brasileira hoje tomou outro rumo. Assim como o futebol. Infelizmente hoje eu acho que existe do proprio Brasileiro um certo desprezo por Bossa Nova, se não desprezo, um desinteresse. Talvez não seja "povão" suficiente. Sofisticado demais. Musica pra cocktail talvez acham.

O fato é que Bossa Nova teve impacto enorme no Brasil e fora. Na musica, no cinema, na moda. E continua tendo até hoje. Aos fãs do Rock...já notaram que as primeiras notas musicas, na primeira canção do primeiro disco do The Doors é o ritimo Bossa Nova. É...a abertura de 'Break on through' é nada menos que uma batida Bossa Nova.

Mas eu não moro ai no Brasil..vocês moram. Estou certo em pensar que esse tipo de musica hoje não tem o conhecimento/respeito que merece. O povo Brasileiro sabe o quanto essa musica exportou o Brasil ao mundo na decada de 60? Recomendo esses discos mencionados pra quem conseguir achar.

PS:
Vamo Inter. Ainda dá pra chegar a libertadores. Apesar dos pesares!

PPS:
Pra que quer se aprofundar mais no assunto aqui tem um novo documentario sobre a Invasão da Musica Brasileira nos EUA e Mundo. Fala sobre todos os assuntos mencionados acima. http://vimeo.com/95835648 

PPS:
-Jazz Samba Getz/Byrd (1962) na integra: https://www.youtube.com/watch?v=kO1oB9fgpFc
-Big Band Bossa Nova  Getz/McFarland (1962): https://www.youtube.com/watch?v=_qDygpOQ66Y
-Jazz Samba Encore Getz/Bonfá (1963): https://www.youtube.com/watch?v=XMtBLeg4Ip0
-GETZ/GILBERTO (1963) na integra: https://www.youtube.com/watch?v=9KpIV57PSeo
- SINATRA/JOBIM (1967) na integra: https://www.youtube.com/watch?v=v8wos17MICY





quarta-feira, novembro 12, 2014

San Pablo x SC Luigi

PRE-JOGO

Sem Dale. Depois de derrota, contra o San Pablo, fora de casa, com uma defesa que em 2 partidas (grenal e chapeco) tomou metade dos gols que o Grêmio tomou em 33 partidas e com Giovani Luigi como Presidente. O que você acha que vai acontecer?






O Ônibus para Caxias

Reza a lenda que ha alguns anos atrás, em pleno começo do século XXI, quando o INTER cambaleava para não cair um rapaz tinha sua autoconfiança, assim como o time - NUNCA por causa dele, abalada.

Nessa época ele trabalhava no turno da madrugada numa fábrica em Caxias do Sul, enquanto sua família ficava em Santa Maria. 

Numa combinação de datas, ele teria um feriado pra espichar um final de semana. Mas o horário do ônibus não ajudava, ele perderia esse dia viajando de qualquer forma a menos que... Ele fizesse uma "escala" em Porto Alegre. Bastava sair da fábrica, passar em casa, pegar a mala, voar em disparada para a rodoviária e, tudo dando certo, estaria almoçando com a família.

Chegando no dia decisivo, tudo certo! Põe a passagem no bolso da camisa e quando chega lá tem dois ônibus pra Porto Alegre, um quase saindo e outro com problemas pra ligar.

"Comprei a passagem tarde, óbvio que esse estragado é o meu... Que droga!"

Se resigna, encosta-se na parede enquanto observa a manutenção da "junta médica" que opina sobre como fazer a onça rugir. Nisso, o outro ônibus sai no seu horário e por um estalo ele puxa a passagem do bolso e confere o horário e o box do ônibus pra atestar sua falta de sorte.

"Box 7. BOX 7?! Não acredito!" 

E restava só a fumaça do ônibus que partiu e os restos mortais do veículo com defeito que repousava no Box 6.


E assim a gente vive com o Inter. Aquela certeza que na hora decisiva alguma coisa vai dar errado.

Tudo que eu espero hoje é um bom jogo e de brinde uma vitória... Sem Ônibus pra Caxias!!! Quanto ao freNAL? Ainda estou digerindo...



PS: mas vão catar coquinho! "Ui, uma revista inglesa disse que o grenal é um dos maiores "derbys", digo, clássicos do mundo... Ha! Então é mesmo... Que legal!". FALA SÉRIO! AQUI sempre falamos que o GRENAL é o Super Bowl dos pampas. Um sem fim de ideias pra fazer valer o que ele realmente vale... MASSSS... Ha! mas agora uma revista inglesa disse que é, então agora vamos nos posicionar... Bando de foquinha amestrada! Lambe saco de gringo! Bora trabalhar bando de puto!

PPS: pra quem não sabe, a revista inglesa Four-four-two fez uma lista com os maiores clássicos do mundo e o grenal foi votado em sétimo.


terça-feira, novembro 11, 2014

Produção Ofensiva 2014

Finalmente atualizado!! Vamos lá. Pra quem não sabe o BV é o unico site/blog esportivo que eu saiba no Brasil que começou a contar assistências em 2006. Só uns anos depois que essa moda pegou no Brasil. Em nenhum outro lugar tu vai acar esses dados para o time do Inter desde 2006.Na coluna direita do BV tu pode achar o link para a Produção ofensiva do Inter, ano a ano desde 2006.

Depois da Atualização:

- Moura continua na liderança com 41 Pontos.

- Alex na frente do Dale com 2 pontos a mais.

- Achava que Valdivia teria numeros melhores. Mas só fez 2 gols e 3 assistencias o ano todo.

- Fabricio mais uma vez destroi os numeros que ChiKleber fazia.

- O Lider R. Moura tem pontuagem bem abaixo da media dos lideres de cada ano. Exeto no patético 2007 quando o lider Pato fez apenas 26 miseros pontos.

- O Dale como toda sua carreira no Inter tem mostrado tem um ano pra cima e no proximo pra baixo na pontuagem. Dale precisa fazer 21 pontos nos ultimos 5 jogos pra quebrar esse tabu. Ou seja, praticamente impossvel. Ano passado teve 54 pontos. Agora está com 33.

- No inicio do ano AQUI, eu analizei os numeros do Dale e fiz minha previsão para ele em 2014. Na minha previsão cravei 15 Gols, 14 assistências para 44 pontos total em 2014. Faltando5 jogos Dale tem 10 gols 13 assistências e 33 Pontos. Minha previsão pode acabar muito proximo dos numeros reais.

- Nilmar mal registra na tabela com 2 gols e zero assistências.

- Se Alex ou Dale terminar em primeiro (passando R. Moura) será sua segunda vez Campeão de pontuagem Alex em 2008, Dale em 2013. Só Alecsandro (2009, 2010) e Damião (2011, 2012) são Bi-Campeãos até agora. 

Bom aí está a Produção Ofensiva atualizada para 2014 até o GreNal na Arena.

Gol - 2 Pontos
Assistência - 1 Ponto

2014
Jog-Gols-Ass-Pts
R.Moura 17 - 7 - 41
Alex 12 - 11 - 35
D'Alessandro 10 - 13 - 33
Aranguiz 10 - 7 - 27
Fabricio 7 - 10 - 24
W.Paulista 10 - 4 - 24
C. Winck 7 - 2 - 16
Alan Patrick 4 - 7 - 15
Sasha 6 - 3 - 15
J. Henrique 2 - 3 - 7
Valdivia 2 - 3 - 7
Aylon 2 - 1 - 5
Jean 2 - 1 - 5
Gilberto 1 - 3 - 5
 
Nilmar 2 - 0 - 4
Murilo 1 - 1 - 3
W. Silva 1 - 1 - 3
Ernando 1 - 0 - 2 
Gladystone 0 - 2 - 2
Wellington 1 - 0 - 2
Paulão 1 - 0 - 2
Alan R. 1 - 0 - 2
Leandro 0 - 1 - 1
Diogo 0 - 1 - 1
Raphinha 0 - 1 - 1
Alex Nemetz 0 - 1 - 1
Willians 0 - 1 - 1

Juan 0 - 1 - 1
Otavio 0 - 1 - 1
Reis 0 - 1 - 1




ANTES DA ATUALIZAÇÃO:

R.Moura 13 - 5 - 31
Aranguiz 6 - 7 - 19
Alex 6 - 5 - 17
D'Alessandro 6 - 5 - 17
Fabricio 6 - 5 - 17
W.Paulista 7 - 2 - 16
C. Winck 5 - 1 - 11
Alan Patrick 3 - 4 - 10
Sasha 2 - 1 - 5
Aylon 2 - 1 - 5
Jean 2 - 1 - 5
Gilberto 1 - 3 - 5

Murilo 1 - 1 - 3

J. Henrique 0 - 2 - 2
Ernando 1 - 0 - 2 
Gladystone 0 - 2 - 2
Raphinha 0 - 1 - 1
Alex Nemetz 0 - 1 - 1
Willians 0 - 1 - 1

Valdivia 0 - 1 - 1
Otavio 0 - 1 - 1
Reis 0 - 1 - 1



TOP 32 DESDE 2006
Verde = Atual Temporada

1- Damião 92 ('11)
2- Alex 83 ('08)
3- Alecsandro 68 ('09)
4- Taison 66 ('09)
5- Damião 57 ('12)
6- Alecsandro 55 ('10)
7- D'Ale 20-14-54 ('13)
8- Andrezinho 52 ('09)
9- Nilmar 51 ('08)
10- Nilmar 50 ('09)
11- Fernandão 49 ('06)
12- D'Ale 47 ('11)
 
13- R.Moura 17-7-41
 14- Forlan 17-6-40 (13)
14- Oscar 40 ('11)
14- Giuliano 40 ('10)
17- Damião 14-11-39 (13)
17- Iarley 39 ('06)
 
19- Alex 12 - 11 - 35 
20- D'Ale 10 - 13 - 33 
 20- D'Ale 33 ('09)
22- Dagoberto 31(12)
23- Damião 28 ('10)
 24- Aranguiz 10 - 7 - 27
 25- Renteria 27 ('06)
26- Pato 26 ('07)
27- Datolo 25('12)
 
28- Fabricio 7 - 10 - 24
29- W.Paulista 10 - 4 - 24 

30- Fernandão 24 ('07)
31- Kleber 24 ('09)
32- Fernandão 23 ('08)





segunda-feira, novembro 10, 2014

S.C.O.

Dá prá botar a culpa de uma derrota de 4 x 1 pro rival no cara que não entra em campo? No cara que não escala? No cara que não orienta? No cara que não dirige? No cara que não assume? No cara que não lidera? No cara que não fala? NO CARA QUE NÃO TORCE?

Não.

Não mesmo?

A cultura de uma organização é um treco intangível. Tu não toca, tu não ve. Tu sente. Tu vive. Apesar de poder ser descrita, é pelas atitudes das pessoas que tu ve a cultura sendo firmada, se desenvolvendo, maturando e estabilizando.
Não é do dia prá noite, mas com tempo, não muito, isso acontece. Quer tu queira, quer não. Sendo feito esforço, ou não.

A cultura de uma organização é o melhor filtro, o melhor selecionador de perfil que existe. Quem não se adapta, não concorda, não gosta... não fica! Sai, ou é saído.

A primeira associação que se faz ao falar de cultura de uma organização, pelo menos prá mim, é com uma empresa. Qualquer empresa tem a sua culutra. Algumas tenta efetivamente construir uma, baseada nos seus valores, missão, bottom line (dicas BV #401). Outras deixam prá lá. No fim, dá no mesmo. Uma cultura vai se formar.

Apesar do clube não ser uma empresa, existe o mesmo conceito. Até porque deveria ser administrado como uma empresa, mas isso é prá outra discussão....
E com um clube, onde a liderança troca a cada 2 ou 4 anos, a cultura é algo tão dinamico, e ao mesmo tempo tão instável, que é difícil de se estabilizar. Mas mesmo assim ela exerce uma força tremenda. Não pelas ações, mas pelas omissões.

O não fazer nada, o não dar as caras, o não abrir a boca, o não meter o pé na porta, todas essas omissões tem um poder tão grande quanto as ações. Eu diria até maior.

E é disso que o Inter (o clube, e todas as pessoas envolvidas com ele) vive hoje. De omissões.

Ah, mas tava invicto a dois anos contra o Grenit! Beleza! Que legal! Muita flauta! Faz bem né? Mas e isso nos deu o que, além da flauta? Título? Taça? A famigerada vaga? Então eu prefiro resultados equilibrados em grenais, perde, vence, empata, mas com o objetivo lá no fim cumprido. Ou pelo menos, a vontade durante a trajetória. Nem isso temos.

Como eu disse ontem, falta bem pouco prá isso acabar. Não sei o que vem pela frente, mas nunca, nunca antes nesse clube eu vi, ou melhor, deixer de ver tanta coisa. Sport Club Omissão.

Ainda bem que eu já larguei de mão há tempo. A única coisa que me estressa no Inter ultimamente, é achar um assunto prá escrever um texto interessante E NÃO REPETITIVO toda segunda.

Mas isso também tá tão difícil quanto acertar 3 passes seguidos no meio campo.


ps. Desculpem o atraso, mas agora com horários de verão trocados, estou há 5 horas do Brasil. E 15cm de neve a mais.




domingo, novembro 09, 2014

SCLuigi 1 x 4 Grêmio



Bem a cara desse infeliz banana boca mol corno manso pior presidente da historia do Inter. Cagar no fim e dar adeus pra libertadores.

Supresa?

Não.

Muita gente sabia que esses merdas iam entragar no fim.

Pior, Abel toma mais uma goleada e nada vai acontecer a ele. Lembrando Falcão perdeu pro Vasco e foi demitido em 99 dias. Não que novo tecnico faria diferença mas é PROVA dos esquemas no Beira Rio onde um cara é demitido na primeira chance e outro(s) parceiro(s) pode tomar 5 do Chapeco e só leva confiança. Qual a palavra pra esse comportamento mesmo?

Era o fiasco final pro Luigi e sua cambada de INCOMPETENTES. Toma 5 a 0 do Chapecoense...4 do Grêmio...é de matar qualquer Colorado.

Pior...depois de tudo isso vamos ter só Gauchão novamente. Espero nunca mais ver ou ouvir o nome do Luigi relacionado ao Inter.

Quando que o futebol Brasileiro vai se profissionalizar tambem nos cartolas em vez de botar qualquer sugador que chupou a pessoa certa pra garantir cargo?

PS: Pra mostrar a estupidez dos jogadores e falta de tecnico. Quase fim do primeiro tempo, escanteio...ja passou do tempo o juiz da uma ajuda e deixa o escanteio ser cobrado...so que os IDIOTAS JOGADORES cobram o escanteio curto e ai o juiz acaba o primeio tempo. Naquela situação era OBVIO que ou bota direto na area ou o juiz acaba o jogo. Queria quebrar a TV! É BASICO!!!!!



greNal 403

Ahhh meu primeiro greNal....6 de Outubro de 1979...greNal 251, morava no Brasil um total de 21 dias. Tinha 12 anos. Meu Português era de um guri de 7 anos, ainda não tinha estudado um dia no Brasil (isso só começaria em Março de 80). Mas já tinha ido no minimo em uma outra partida, Inter 1 x 0 Figuerense. Nesses 21 dias eu tinha me tranformado em um guri que desde que me conhecia por gente só assistia Baseball e NFL (e pra não dizer que não assistia futebol, assiti entre 76-79 varias partidas dos NY Cosmos) para um Colorado fanático. Em apenas algumas semanas.

Não canso de ver esse gol. Foi aos 43 do Segundo tempo. Eu tava na Inferior bem atras de inde foi cobrada a falta. Uma falta com execução perfeita. Tão perfeita que parece tão simples. Falcão e Jair correm pra bola, Falcão toca pro lado e Jair que vinha correndo junto chuta de uma maneira que coloca um curva medonha nela. Coitado do Manga não sabia pra onde ir. Falando nisso, que Diabos Manga tava fazendo no Grêmio. Na epoca eu nem sabia que Manga tinha jogado no Inter.

Naquele dia eu com meus 12 anos falei pro pessoal que me levou ao jogo que iriamos ganhar aos 43 do Segundo tempo....hoje não arrisco. Impossivel saber. Mas uma coisa é certa...greNal com D'Alessandro em campo é meia vitória. Dale gosta de greNal e não gosta de perde-los.

A vitória hoje seria de extrema importância...é um greNal de Libertadores, não tenham duvida. Quem ganhar hoje pode ser quem ganhe uma vaga na competição ano que vem.

Agora assitem isso umas 10 vezes...olha todos os detalhes. Falcão....Jair, que chutou e já saiu comemorando... a curva da bola...Manga deitado....a barreira....a corrida do Chico Espina (#7) ... a pulo classico de commemoração do Falcão e do Jair...a torcida na arquibancada.... 17 segundos de puro prazer...





sábado, novembro 08, 2014

Feliz Aniversário BV!


Feliz aniversário ao Blog Vermelho e todas as pessoas que tem sustentado o BV com seus textos e com sua audiência. O BV é pé quente. São 9 anos....começamos em Novembro de 2005 e desde então foram 2 Libertadores, 1 mundial e varios outros titulos. Em Setembro de 79 quando fui morar no Brasil e conheci o Inter realmente pela primeira  vez fui super pé quente...basta olhar a data pra entender o que aconteceu meses depois. Nunca imaginava que aquilo não repetiria novamente.

Anyway...são 9 anos completos de BV, muitas histórias e conquistas. Espero que possamos continuar por muito mais tempo. 




sexta-feira, novembro 07, 2014

Coerência, Sr. Luigi!

Olha pessoal, sinto muito, mas sinto que nesse de jogo de domingo, não conseguiremos ir bem.

No máximo, será 1 x 0 ou 2 x 1 pra gente. Não vai dar pra golear... ;-)

Brincadeiras à parte, o negócio é o seguinte: Sr. Luigi, não vá macular sua coerência justamente agora, no ocaso (eba!!!!!) de sua gestão! Se tem algo que você conseguiu obter de bom em tantos anos, isso foi o domínio no GreNal.

Portanto, não é hora de inovar, ok. O time tem que ir lá, vencer e pronto. O Grêmio está traumatizado, com auto-estima baixa, temeroso de mais uma derrota.

Que continue assim, depois do jogo.

Era só esse o recado que eu tinha pra dar, pois sobre seu time, Sr. Luigi, não tenho nada de novo a dizer.





quinta-feira, novembro 06, 2014

TESE FURADA

Perdemos em casa pro Ceará

Quando o INTER foi eliminado da Sulamericana e da Copa do Brasil por equipes de porte como Bahia e Ceará, a direção deixou ventilar que não havia problema, que o COLORADO poderia se dedicar a conquista do Campeonato Brasileiro.

As entrevistas deixavam claro que consideravam impossível disputar todos os títulos, que as viagens, a idade do grupo, o desgaste dos número de jogos, etc... inviabilizaram disputar todos títulos.

Ai eu vejo que Cruzeiro e Atlético-MG vão fazer a final da Copa do Brasil, após a emocionante rodada de ontem. Os mineiros tem um grupo com a mesma média de idade que o nosso.
Direção encarou com naturalidade a derrota pro Bahia

Os mineiros jogaram o regional, a Libertadores, o mesmo número de rodadas do Brasileiro, e ainda assim jogaram ontem a 6ª partida da Copa do Brasil, jogaram a morrer, querendo vencer, lutando os 90 minutos.

Ai eu me pergunto: Qual a diferença para o INTER??? Eu mesmo respondo, a direção dos clubes de Minas querem vencer, lá a derrota é problema, dirigentes não se conformam, e por isso seus times lutam em campo.

A mesma tese valeria para o São Paulo (está na final da Sulamericana), mas no INTER a derrota foi encarada com naturalidade em nome de uma tese furada de que devíamos priorizar o Brasileirão.

Cruzeiro pode ganhar a sua tríplice coroa, São Paulo ainda tem sonho de ganhar o Brasileiro e a Sulamericana, o Atlético-MG luta pela vaga e título da Copa do Brasil, enquanto o INTER assiste a tudo, lutando apenas por vaga.

Ninguem se torna vencedor se conformando com derrotas, tem que entrar em todas competições com desejo de vitória, ainda mais um clube com a grandeza e folha de pagamento do tamanho do nosso COLORADO.


André Flores
@ojogodointer

ps.: Hoje a noite os candidatos a presidente do nosso INTER vão apresentar suas propostas no Conselho Deliberativo. A reunião vai ser transmitida ao vivo, para assistir a partir das 19 hs clique AQUI, ou ouça nas rádios que vão trasmitir.