domingo, março 01, 2015

Dai a Cesar


Torcida única! Que coisa linda! Os olhos do país e do mundo voltados para o Beira-rio! Que sacada da diretoria do INTER! Que gênio o cara que fez is... OPA! Calma que não é bem assim. Vamos conversar um pouco?


Capa de um jornal gaúcho em 01/03/2015
Sacar e pilhar! Depois disso dividir o butim. Coisa de piratas antigos e hoje em dia visto apenas em filmes de aventura? Creio que nem sempre só por ali.

Pra quem não lembra ou não sabia, em 2013 o INTER teve de pagar quase R$ 2 milhões (isso mesmo, quase R$ 2.000.000,00) plagiar um projeto de publicidade para o Beira-rio e o Gigantinho. O que ficou mais feio foi ter contratado a empresa, recebido a proposta, depois dispensar porque não tinha mais interesse na campanha e, logo em seguida, usar as peças como se tivessem sido desenvolvidas pelo marketing colorado.

Alguns queriam instaurar o "marketingate", outros o "impeachment" do Jorge Avancini e a degola de todos os envolvidos. Já os mais lúcidos queriam que os "espertos" pagassem o prejuízo que acabou na conta do clube. Dessa última ideia eu era simpatizante. 

Até aí tudo bem, a empresa identificou e foi buscar seus direitos. Mas e as ideias que "surgem" do marketing colorado "inspirados" em sugestões enviadas pelos sócios? Como a posição das estrelas no escudo após a conquista do mundial? O Gaiato que escreve esse post mandou um e-mail em 22/12/2006 com uma imagem e a sugestão que coincidiu com o escudo do fardamento. E devem ter havia inúmeras outras, que uma camisa oficial e um obrigado (depois de assinar um termo de ceder qualquer direito ao INTER) já seriam de bom tamanho e teriam posto um sorriso largo no rosto de bocós como eu.

Mas e das "inspirações" da internet? Eu não lembro até que ano aparecia no site do INTER, mas na página oficial podia-se clicar e conhecer alguns sites externos, que falavam do clube, a maioria de torcedores. Algum dia essa informação foi tirada do ar. Não questiono os motivos da decisão, mas é estranha essa sisão unilateral e sem aviso.

Mais fácil copiar e não descobrir a fonte, diria algum gaiato. Ha! Pois então...

Grenal de torcida mista foi inventada por essa diretoria? Tá! então me explica que esse humilde site já sugeria isso em 2008: Torcida mistagate.

Cabe destacar aqui: "E repito uma sugestão do passado aqui para as diretorias do Inter e do Grêmio. Abram um pequeno espaço no estadio em um Grenal para digamos 50 BEM SELECIONADOS torcedores do Grêmio e do Inter, para sentarem juntos, tranquilamente e sem brigas. Escolhem famílias e amigos/amigas, pessoas responsáveis. Acho que da pra achar 25 Colorados e 25 Gremistas em porto Alegre que sabem agir responsavelmente num estadio!"

A ideia original era mais humilde do que o tamanho que ela tomou com sua conta de torcedor para cinquenta almas, bem como teste. Pra quem acompanha esse humilde site desde 2006, como eu, sabe que isso foi comentado, recomentado e citado de novo várias vezes... como por exemplo AQUI.

Crédito: é bom, é descente... é coisa de homem e faz bem pra alma. De resto, que seja um ótimo jogo e um dia histórico e bonito.


freNAL é freNAL
(freguês)



sábado, fevereiro 28, 2015

Um buraco no elenco



Bom dia gurizada.

Estamos todos um pouco mais tranquilos após o resultado da última quinta feira, mas porque essa tranquilidade não chega a ser uma confiança?
Apesar da vitória, que em nenhum momento esteve definida até o apito final, O Internacional continua apresentando problemas crônicos e o principal deles, é o buraco na lateral esquerda.
É inegável que temos um elenco muito qualificado pra este ano, as contratações foram excelentes, principalmente pra quem estava acostumado a nomes como Aírton, Vitor Jr, Wellington Paulista, Rafael Moura e por aí vai.
Porém, esqueceram de um nome, uma posição, que pode acabar colocando tudo a perder.
Será que acabaram se deixando levar pelo Fabricio que jogou os ultimos 5 jogos do Brasileirão do ano passado? Sejamos justos para admitir que muitos aqui achavam que o Fabricio não seria o maior problema, e talvez ano passado até não fosse, devido a qualidade do elenco, mas hoje sua falhas tem se acumulado. Na quinta, o treinador da La U colocou um jogador que nem estava 100% fisicamente e que era duvida para a partida até minutos antes dela começar. O que nós vimos foi este mesmo jogador ser a grande arma ofensiva da equipe Chilena durante os 90 minutos.

VAI FABRICIO

Não gosto quando é colocado a culpa em cima de apenas um jogador, até porque, o futebol é um esporte coletivo e serão raras as vezes em que os 11 estarão bem.
Talvez o Fabricio esteja sentindo o inicio de temporada, como alguns jogadores de maior qualidade também estão sentindo. Quem sabe aquele jogador das últimas partidas do ano anterior não reapareça e tape este furo no elenco colorado? Eu olho pra ele e vejo características de um grande lateral, tem velocidade, altura, bom cabeceio, é voluntarioso, boa finalização, mas falta algo. Vale a pena continuar insistindo ou chegou o momento de testar outro jogador naquele setor?

Quero deixar claro, que este é  um buraco no elenco, portanto não estou ausentando o Aguirre dos outros inúmeros problemas que o Internacional está apresentando. A falta de confiança da torcida, não é apenas por um jogador específico, mas sim pelo todo, que ainda não encaixou. As falhas na Bolívia ainda estão vivas, e algumas até foram reapresentadas no Beira-Rio. Porque demorar tanto pra mexer no time? Nico Freitas era pra ter entrado logo após o 2x0. O Luque (ou Valdivia) tinha que ter jogado por mais tempo.
No mais, vale a pena destacar alguns jogadores: D'ale, Sasha e Léo, foram muito bem, os melhores na minha opinião. Nilton e Réver eu também gostei, e acho que quando ambos estiverem 100% darão um grande acréscimo ao time.



Pois bem, agora tudo é gre-NAL gurizada, façam suas apostas. O Inter jogará com time titular, misto ou reserva? Acho que só domingo teremos esta certeza, e independente de qual for o escolhido, temos condições e obrigação de ganhar.

Saudações Coloradas...



sexta-feira, fevereiro 27, 2015

5 MIL METROS



video

O BEIRA-RIO é o palco das nossas grandes conquistas, quando inauguramos o estádio em 1969 vencemos 8 campeonatos geúchos seguidos. É na nossa casa que ganhamos 3 campeonatos Brasileiros, a Copa do Brasil, 2 Recopa, Sulamericana e 2 Libertadores, todas nossas grandes conquistas tem o BEIRA-RIO como cenário.

Você pode me retrucar lembrando que nossa maior conquista, o Mundial do Japão, foi conquistado bem longe, do outro lado do planete, mas também é preciso lembrar que nenhum time era local naquele jogo, e nossa torcida mesmo longe deu espetáculo e dominou as arquibancada, "Yokohama rugiu".

Estou falando isso, pois na minha opinião ontem pela primeira vez o time do Diego Aguirre fez uma apresentação convincente, focado na vitória, disputando cada lance, buscando a vitória.



Esse clima de Libertadores começou nas ruas de fogo, foi algo impressionante, nossa torcida literalmente fechou a rua, foi lindo e mostrou que não viemos para brincar, estamos mobilizados e queremos a taça.

O time tem muita coisa a melhorar, na defesa, no ataque ou no meio, mas o que melhorou, e muito, neste jogo foi a vontade de vencer, nós sabemos que ganhar a Libertadores 

Em campo, e nas arquibancadas, o que se viu foi a união da vontade e da determinação, nem quando sofremos o gol (ou naquela bola na trave quando estava 0 x 0) time ou torcida esmoreceram, ficamos focados em buscar a vitória, 



Assim que tem que ser, quando os adversários chegarem a nossa casa tem que ter a sensação de estar jogando a 5 mil metros de altitude, sufocados pelo nosso time, nossa torcida, pela atmosfera da nossa casa, time e torcida jogando juntos.

Aqui quem manda é o INTER e o BEIRA-RIO vai rugir a cada partida, empurrar nosso time, fazer com que cada jogador corra um pouco mais, pois das arquibancada virá o incentivo e a força!

CLÁSSICO

O jogo no domingo, terá time misto, torcida mista, e muito mais, mas nem por isso diminui nossa vontade de ganhar, e na casamata temos um técnico que sabe muito bem o gostinho de ganhar deles, sabe o quanto um clássico pode entrar para história.

Aguirre sabe a importancia do clássico

Mesmo assim, mesmo querendo muito ganhar, o jogo da próxima quarta é também uma decisão, que vale a liderança do grupo, pode valer a vaga nas oitavas, e lá devemos jogar com força máxima, no clássico vamos jogar com vontade, querendo vencer, com o BEIRA-RIO rugindo, mas talvez seja a hora de dar ritmo a todos atletas, afinal como disse ontem o treinador, todos podem ser titulares.

André Flores






quinta-feira, fevereiro 26, 2015

INTER x Santiago FC

POSJOGO
Agora sim, missão completa, vitória com diferença de dois gols que coloca o Inter na segunda colocação e agora é FINAL DUPLA contra o Emelec em casa e fora. Duas partidas de copa do mundo a vir que pode definir nossa classificação.

O time ainda tem problemas mas acho que hoje ficou claro até pra cego que Sasha é titular. Alex ainda tem sua utilidade de jogador de segundo tempo.  A defesa continua a preocupar. A UChile sabia que indo pela direita existia uma avenida chamada Fabricio e eeles se aproveitaram disso. A esperança que só falta entrosamento e detalhes para acertar o time de vez. Agora, o Beira Rio tem que lotar contra o Emelec...alguem me explica porque não tava lotado hoje?

Produção Ofensiva 2015 vem ai.

Inter 3 x 1 UniChile
Dale (penalti)
J.Henrique (Alex)
Sasha (Aranguiz)


PREJOGO
Olha galera, hoje a brincadeira tem que acabar. Depois da segunda vitória do Emelec o Inter precisa vencer hoje e de preferência (o que talvez seja pedir demais com o Inter) de 2 ou mais gols de diferença para ficarmos na segunda colocação na tabela sozinho, o que já seria um enorme avanço comparado com a primeira rodada. Aí no proximo jogo contra o invicto Emelec teríamos tudo pra acabar o primeiro turno como lider.

E aí é que fica interesante porque a quarta partida será novamente contra o Emelec, só que agora na casa deles. Com uma vitória hoje contra o Santiago (sim, esse nome é em homenagem a RGTjr que chamava a Universidade de Canoas (ULBRA) simplesmente de Canoas pra não fazer propaganda gratuíta) a parada vira uma briga direta entre Inter e Emelec com dois confrontos seguidos e eletrizantes, o que faz sentido já que Emelec significa Empresa Eléctrica del Ecuador.

Mas tudo depende de hoje. Uma derrota ou empate seria quase certo o começo da eliminação. Só vitória interessa.

PENSAMENTO PEQUENO
Um grande problema com o futebol do Inter é o pensamento derrotista que vem de dentro que li hoje. O Inter acredita/anuncia/planeja/torce em fazer 10 pontos em 15 pra se classificar. Acredita que ganhando 3 em casa e empatando uma fora seja a suficiente. Ou seja....mesmo sem entrar em campo o Clube já entregou uma derrota fora de casa. Pior já entregou 5 de 6 pontos fora de casa. Já está satisfeito perdendo uma fora sem nem entrar em campo. Me desculpem, mas esse tipo de pensamento vindo de dentro é um enorme problema.

Se tua meta é ser "mais ou menos" os resultados vão ser mediocres. O clube tinha que ter a mentalidade de dormir, comer, sonhar, falar, pensar só em vitórias. O clube deveria estar falando QUEREMOS FAZER 15 pontos até o fim do turno. Mas veja bem galera...o OBJETIVO é 10. Isso é pensamento de perdedor...de pequeno. Lamentavel que isso venha do nosso tecnico. E imagina como isso é processado na cabeça do boleiro quando estiverem lá no Ecuador "Ah hoje dá pra perder sem problema".O Aguirre fez cagada em falar que o objetivo é 10 pontos. Tinha que ter falado que o objetivo é 15 pontos.