quinta-feira, março 29, 2012

BM no estádio?




O assunto mais comentado entre os COLORADOS nesse ano certamente são as obras do Beira-Rio, mais até que a Libertadores. Felizmente a novela da AG já acabou, as obras reiniciaram e toda a social já está fechada para reforma.

Durante o debate das reformas do estádio o ponto central era o aumento do conforto para os COLORADOS que frequentam o Beira-Rio, com melhorias estruturais, estacionamento e tudo mais, que vocês já devem tervisto nos videos da Hype.

Mas uma coisa precisa ser pensada, e pelo que vejo é pouco debatia, que é a presença da BM no estádio, fazendo a "segurança". Essa é uma situação impensável do ponto de vista lógico, pois não acontece em outros eventos privados.

Nesta semana um jogador do caxias foi mordido por um cachorro da BM, e um do nóia levou uma borrifada de spray de pimenta. Recentemente foi assunto no twitter quando o Conselheiro do INTER Andreas Muller foi obrigado a apagar imagens que fazia em seu celular, registrando a truculência da BM.

Ainda no primeiro greNAL do ano uma torcedora foi presa por haver registrado agressões de brigadianos a um torcedor, dentro da arquibancada do estádio. Exemplos não faltam, como no jogo com o flu em 2005 ou contra o cruzeiro em 2002, sobram exemplo de truculência e violência, assim como é evidente o despreparo.

É preciso que se discuta essa situação, não há razão para a BM fazer a segurança do estádio, essa segurança deve ser privada e respeitosa com o torcedor, como devem ser todos os funcionários do INTER. No Planeta Atlântida ou show do Roger Waters não há brigadianos para impedir invasão do palco ou fazendo a revista na entrada, porque razão no Beira-Rio é diferente?

O Clube investiu a BM de tal poder que eles determinam quantos instrumentos musicais, e quais, número de bandeiras ou faixa apoiando o time, podem entrar no estádio. Dizem que horas abrem os portões e que horas os torcedores devem sair do estádio, mas o estádio é privado, é nosso, como pode a BM mandar lá, a ponto de determinar o que um Conselheiro pode ou não registrar no seu celular?

Diferente é a situação do entorno, alí sim as forças de segurança pública devem atuar, para que os carros não sejam roubados, para evitar a extorsão do flanelinha, ou que pungistas assaltem os torcedores que se deslocam, não dentro do complexo lá é um espaço do INTER e o torcedor merece ser tratado como cliente e não como suspeito de ato terrorista.

Para o Beira-Rio atingir o conceito de estádio moderno, tem que pensar melhor o tratamento de seus torcedores, não colocando bretes e gargalos nos acessos, ou submetendo seus torcedores a todo tipo de truculência da BM, e sim com modernas normas de atendimento, com seguranças treinados para bem atender ao torcedor.

E vocês o que acham da presença da BM no Beira-Rio??

ps1.: Ta feia a coisa no caso do Oscar, a nova novela das 8, pois to achando que com o passar do tempo o spfc vai começar a chantagem com as olimíadas, ou ele se apresenta no morumbi ou não será convocado para ir a londres (e com isso comemora casemiro, que recentemente "denunciou" o esquema de aliciamento no spfc)

ps2.: Restam poucos ingressos para o jogo contra o santos, corre lá e garante o teu, pois tenho certeza que de hoje não passa.

ps3.: Que joguinho morno o de ontem, quase dormi no segundo tempo.