quinta-feira, janeiro 26, 2012

Do Portão 6




Recebi hoje o e-mail o Louis me dando a feliz notícia de que irei escrever nas quintas aqui no BV, o que além de uma responsabilidade é uma honra. Agradeço a confiança e fico muito feliz em poder contribuir com esse blog de quem há muito sou leitor assíduo.

Ai acima tem um vídeo com imagens que fiz no jogo de ontem, onde procurei mostrar o sentimento daqueles que estavam na arquibancada (assisti ao jogo ali no portão 6). Sei que muito mais poderia ser dito sobre a partida mas acho que o que de mais importante aconteceu está no vídeo.

Espero que gostem e críticas e sugestão são bem-vindas.


O RESULTADO

Vencer nunca é ruim, mas depois de tudo que fizemos na partida, no primeiro tempo especialmente, fui embora com a sensação de que o INTER poderia ter feito muito mais, e viajariamos para a Colombia com uma folga maior, o que não aconteceu. Espero que os gols perdidos não façam falta.


D´ALESSANDRO

Talvez eu tenha assitido a última partida do melhor camisa 10 que eu vi no INTER, é um jogador diferenciado, com técnica apurada e capacidade incrível. Alguns dirão que o Alex é mais jogador que o D´Alessandro, pode até ser verdade (eu não concordo mas entendo que discorda de mim) só que o D´Ale tem a cara da torcida do INTER.

Foi uma identificação instânea, desde que ele surgiu de jaqueta de vinil nos camarotes, quando ainda nem havia treinado, a torcida ja simpatizava com ele, como numa profecia, gritando seu nome exaltando glórias que ainda estavam por vir.

Se ontem foi a última partida do D´Ale com a CAMISA VERMELHA eu ainda não sei, mas sei que ele é, sem sombra de dúvida, um herói COLORADO, visceral, passional, que luta em campo, que joga sempre com ganas de vencer e que é um símbolo do que queremos de nossos atletas, o equilíbrio entre a técnica e a garra.