sexta-feira, janeiro 13, 2012

PUNINDO O TIME

Alguém aí lembra de como Dorival foi demitido do Santos? Após fazer um grande 1º semestre, Campeão paulista e da copa do Brasil nosso treinador resolver brigar com ninguém menos que Neymar. Até aí tudo bem, o mimadinho teve um xilique e merecia ser punido. Só que Dorival decidiu não punir apenas o atacante, decidiu por punir o time e com isso a Instituição Santos! Barrou Neymar... Resultado? Não demorou muito e foi mandado embora...

Agora Dorival brigou com Zé Roberto e mais recentemente Bolatti.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=e-Sm89LMzCU

Agora o gringo é reserva do reserva, perdendo posição para o meio metro do Élton... Nada contra o guri, tem bom futebol, agora não amarra a chuteira do Bolatti. Enquanto isso temos um meio campo faceirinho, com 2 volantes que não guardam posição e juntos não possuem 2 metros de altura... Não vai demorar e vamos ver a fragilidade do setor. Enquanto isso com Bolatti temos alguem que protege a zaga e é sempre um perigo na bola aérea...

Agora porque necessariamente um desentendimento entre técnico e jogador precisa acabar por punir o time? Basta um multa no salário. Imaginem o comunicado:

- Bolatti, você está sendo punido, por isso você não vai jogar... Vai ficar olhando seus companheiros correrem em campo enquanto você está em casa sentado no sofá recebendo salário...

Já pensou um dia antes de Santos e Barcelona, Messi briga com Guardiola? Será que ele seria afastado?

Quanto tempo até Dorival brigar com Dalessandro? Vai afastar ele do time como fez Tite? Não demorou e também bailou...

Não estou aqui fazendo defesa de jogador, indisciplina tem que ser punida sim, com multa! Agora punir o time, privar o Inter de ter um volante como Mário Bolatti é uma atitude no mínimo estúpida, pois o emprego de Dorival depende do time, e com Bolatti fica muito mais fácil de sucesso.

Caro Dorival, deixe de ser burro!!!