segunda-feira, outubro 19, 2009

O "Problema" Sorondo

É o seguinte. O problema do Sorondo não é exatamente o Sorondo e sim NÓS Colorados. Explico.

Basta um gringo, zagueiro, chegar no Beira Rio que a gente já tenta imaginá-lo como o novo sherife, mesmo que ele não tenha provado ainda que tem o futebol para isso. Foi assim com o Sorondo. "Uruguaio, cabelos longos, alto....ora lembra Figueroa..então é o novo sherife!! É a nossa salvação". E aí ficamos esperando que ele tira tudo sempre e arruma a casa. Mas não é todo dia que um Figueroa vai aparecer. Culpa o Figueroa e o Gamarra por isso e a torcida que fica sonhando a toda hora. Danny Moraes é outro que tem "cara" de zagueirão e mesmo antes de jogar nos profissionais alguns estavam dizendo que ele era o futuro da zaga do Inter.

E não é só com zagueiro. É em todas as posições! Lembra do Renan no gol? Assim que alguns viram o Renan já o compararam com o Tafarel e aí fica aquela expectativa toda. Renan podia tomar frangos diarios que muita gente se segurava naquela do "Novo Tafarel" e "melhor goleiro do Brasil". Já o Lauro que tá mais pro Visual de Clemer do que de mocinho de cinema é chamado de frangueiro mesmo sem tomar frango. Quem sabe o Lauro não bota uma mascara do Renan, ai quem sabe largam do pé dele.

Hoje em dia jogador sai das divisoes de bases sendo chamado de "melhor do Brasil" na sua posição mesmo sem ter jogado mais de 30 minutos num jogo profissional. Foi assim com Renan, Walter e quase todas as revelações.

É questão de expectativa. Temos que aprender a parar de colocar jogadores vestindo a camisa do Inter pela primeira vez num patamar quase inatingivel. Amanhã chega um novo zagueiro da Argentina e vai te gente (inclindo a midia) chamando ele do novo Sherife colorado. Pelo amor de deus, parem com isso. Dá titulo de Sherife DEPOIS do cara provar que ele é Sherife e não antes , só pelo visual ou país de origem.

Quanto ao Sorondo ele continua devendo, sem duvida alguma, assim como TODA zaga do Inter.