quinta-feira, maio 13, 2010

SE NÃO TEM ATAQUE TEM....


SORONDO! Ao menos hoje. Por um breve instante.

Pqp, Sorondo pode ter salvo o Inter. Ainda fizemos no mesmo gol e comemoramos no mesmo canto que o Nilmar comemorou em 2008 na final da SulAmericana. Tambem no sufoco, no fim.

Até aquele momento não tinha jeito. Era mais um apático jogo mostrando todos os defeitos do time e do elenco. Um jogador não complementando o outro. Um amontoado sem saber o que fazer com a bola.

Ninguem jogou nada. Sandro fez o maximo possivel pra se fazer de Rodrigo Mancha do Santos e entregar gols no primeiro tempo. D'Alessandro até começou bem mas depois se apagou. Walter nada. Alecsandro pouco, mas quase marcou de cabeça no 2 tempo. Ninguem se destacou na verdade. O Estudiantes tocou a bola como se tivesse no patio do colégio mas faltou coragem a eles tambem. Se eles tivessem forçado acho que eles poderiam ter marcado antes.

Tudo estava indo agua abaixo até AndreSaveszinho cobrar a falta na cabeça do Sorondo que de raspão nos colocou na frente. Agora na Argentina vai ser um Deus no acuda.

Menos mal que fizemos um gol e não tomamos, como falei no topico anterior. Agora até 1 a 2 lá é bom pra nós. Mas vai ser um inferno. Alguem semana que vem vai ter que fazer unzinho lá.

PS: O comentarista cabeludo da Fox (como quase todo hermano) disse "Esse Inter não é o mesmo de 2006 ou 2008..é menos potente ofensivamente...o Estudiantes deveria ter forçado mais.." Até a Fox deu pra notar que o Inter não tem muita potencia na frente.

Mas no fim, valeu a Vitória, a garra e a insistência. Uma coisa é certa, se formos campeão não vai ser fazendo show mas tambem não precisa ser. Pode ser briga mesmo.