sábado, julho 17, 2010

Copa BV: Round 4

Estou Upando esse Post pois precisamos mais participação dos Leitores, pois vocês é que vão decidir quem vai escrever no BV.
_____________

Ok pessoal continuamos com a competição para achar o mais novo coilunista do Blog Vermelho.

No Round 1 deu vitória do Bloguista 1 sobre o Bloguista 2.
No Round 2 deu vitória do Bloguista 4 sobre o Bloguista 3.
No Round 3 deu empate. Com isso eu tive que decidir, algo dificil...queria que vocês escolhessem por mim! Foi parada dificil mas como tenho que escolher um, escolhi o Bloguista 6.

Esse pessoal aguarda aí até o final dessa primeira fase para instruções para o proximo mata mata.

Ainda há DUAS vagas para candidatos (leiam AQUI para ver instruções), então quem se interesar ainda dá para mandar seu Text para essa primeira fase.

Agora vamos ao Round QUATRO! Depois de ler os textos vocês podem votar em 1 nos comentarios do Topico. Podem tambem deixar dicas aos candidatos para proximas fases. O Autor tambem pode votar em si uma vez mas não pode revelar que o texto é seu. Tambem não vai valer votos de amigos ou familiares...tem que ser a galera que lê o BV mesmo. Por experiencia eu consigo ver quando alguem tá estufando a caixa de votos, então por favor nada disso :) Que o melhor vença. O Vencedor passará a proxima fase do Mata Mata. Vamos lá: Lembrando que esses textos foram escritos antes da partida do Guarani.

BLOGUISTA #7

O mês mais longo do ano

Não é porque julho tem 31 dias, mas este de 2010, em especial, é sem dúvidas o mês mais longo do ano. Isso se dá em virtude da enorme expectativa que toma conta de nós, colorados, para o embate diante do São Paulo no dia 28. Será o primeiro dos dois jogos das semifinais da Libertadores 2010 e ainda por cima na nossa casa, ou seja, é dever do time suar sangue dentro das quatro linhas e se dedicar ao máximo em cada jogada, em cada dividida. Porém, é obrigação da massa colorada invadir o Beira-Rio. Não tenho dúvida nenhuma de que teremos recorde de público no estádio. Já sinto saudades da movimentação rumo ao bairro Menino Deus em dias de jogos decisivos, com engarrafamentos, buzinaços, aglomeração nos portões de acesso, o canto vindo da arquibancada, bandeiras, a entrada em campo,o grito de gol, e tudo mais. Vai ser muito bom ver isso tudo de novo daqui uns dias. O Gigante nos espera para começar a festa.

Simples assim

Celso Roth chegou sob desconfiança da esmagadora maioria da torcida que esperava contar com alguém mais tarimbado na casamata colorada, alguém com um currículo vasto de títulos, com experiência em jogos decisivos, mas enfim. A escolha foi feita e, pelo menos até as eleições, só nos resta apoiar o homem. Que ele consiga tirar o máximo deste grupo de jogadores e coloque na cabeça de cada um que a Copa que interessa pra nós é e sempre foi a Libertadores da América. Se ele conseguir isso e os jogadores se comprometerem com ele, chegaremos muito bem para os jogos diante dos paulistas. Vieram Renan, Tinga, Leonardo, Oscar e Rafael Sóbis. Ótimos reforços! Mas para desespero de muitos aqui (me incluo nessa) a nossa camisa 9 segue com o mesmo dono. Minha esperança é de que com este acréscimo de qualidade no grupo, as coisas melhorem e o insubstituível nos faça morder a língua. Já pedimos perdão pro Gabiru, porque não pro Alecsandro? É só fazer o gol do título. Simples assim.

Saudações alvirrubras.

BLOGUISTA #8

28/07. Está quase na hora.

O anúncio de que Celso Roth seria o novo comandante no Beira-rio me deu calafrios. Era dia dos namorados, mas o anúncia da sua contratação parecia mais uma piada de 1º de abril!! No entanto, quase 1 mês se passou e este calafrio inicial está dando lugar à esperança, esperança esta renovada pela atitude do técnico e pelas mudanças à rotina colorada: treino em dois turnos (finalmente!!!), treinamento exaustivo de bola parada e de conclusão, escolha dos titulares de acordo com o que estão rendendo e não pelo nome ou quantidade de dígitos no contracheque (pelo menos esse é o discurso).

A chegada do novo técnico e a eliminação prematura da seleção nas quartas-de-final da Copa só faz aumentar a ansiedade natural do torcedor colorado para a semifinal da Libertadores. O fim da novela “Rafael Sóbis” marca o início da (ou a transição para) novela “Janela de Trasferência”.

Depois de 2005 e do ranço da torcida colorada com a convocação dos nossos jogadores para a seleção em momentos cruciais da nossa história, é um ironia do destino termos que depender da CBF para algo que vai nos beneficiar imensamente. Poder contar com Renan, Tinga e Sóbis (principalmente) na Libertadores é imprescindível para passarmos por cima do São Paulo e chegarmos à final.

A julgar pelo desempenho nos dois jogos-treinos, Giuliano e D'Alessandro estão dando conta do recado na armação das jogadas, mas o nosso ataque está carente de alguém que ponha a bola na rede - o que não é nenhuma novidade para nós.

Por muito tempo insisti na ideia de que o Alecsandro era um matador e que só faltava um parceiro decente ao lado dele. Taison, Walter, Edu, Leandro Damião, Kléber Pereira. Nenhum desses demonstrou que pode ser esse companheiro.

Agora com Sòbis ao lado do Alecsandro, a história vai ser diferente: ou o Alecsandro faz gol, ou ele dá lugar a outro, possivelmente ao Taison, para, quem sabe, repetir o sucesso que a dupla Nilmar-Taison teve no início do ano passado - ok, foi no Gauchão e na Copa do Brasil que não vencemos, mas desta vez o Taison terá, novamente, um atacante inteligente ao lado dele, e, ao lado de um atacante inteligente, até o Edu tem chances de finalmente desembarcar no Beira-rio.