domingo, maio 17, 2009

Bergamota mecânica 2008 - O retorno?

Hoje vamos enfrentar o Palmeiras pela segunda rodada do campeonato brasileiro com um olhar diferente. Estamos em uma mistura de certeza de ter o melhor time do Brasil com o desconfiança deixada pelos jogos contra o Corinthians e Flamengo.

A máquina colorada começa a assombrar aqueles que são mais cautelosos, que viram e lembram bem da "bergamota mecânica" amplamente divulgada ano passado no inicio do campeonato. Ano passado o Internacional entrou tão favorito ao título quanto esse ano, então o que fazer para que 2009 não repita a história de 2008?


Ponto 1:
Em 2008 tinhamos uma comissão tecnica chefiada pelo fanfarrão Abel Braga que já não estava com a cabeça no Beiro Rio e e uma hora para outra apenas pegou seu chapéu e foi para a Arabia atrás dos Petrodolars. Tite não está sendo sondado por ninguém por enquanto, mas tem que estar com a cabeça muito bem centrada no time do Inter para não haver contratempos novamente.

Ponto 2:
A janela de transferência para a Europa pode estar perdendo força por causa da crise financeira, mas mesmo assim é a grande vilã dos times brasileiros que sempre estão buscando dinheiro a qualquer custo. Nilmar, Dale, Taison e Kleber entre outros devem estar na lista de de reforços de algum time do outro lado do oceano. É bom ficar de olho nos gringos para não haver o famoso desmanche.

Ponto 3:
Estratégia. Podemos não estar na LA hoje por termos escolhido a estratégia errada ano passado quando resolvemos priorizar a Sulamericana frente ao Campeonato brasileiro. Claro que fiquei feliz com o título, até porque título é mil vezes melhor que uma vaga. Mas me dá medo escolhas como a de hoje de jogar com time misto em casa contra um time que deverá brigar pelo campeonato.

Erros do passado podem até valer de alguma coisa se do erro sair a solução para quando encontramos o mesmo problema novamente.

Continuo com aprovando o Tite e com 4 no intermometro, mas já esta na hora reecontrar o futebol bem jogado que encantou o Brasil até agora.


Guilherme Arruda- CB