quinta-feira, outubro 21, 2010

Fica Celso Roth!

Quero ouvir os gritos de “fica Celso Roth” domingo, quando estiver acabando o gre-NAL. Mas a exemplo do que ocorreu no ano passado, quero que a torcida colorada entoe este canto, calando a maioria azul que estará presente no chiqueiro. A exemplo do que Celso Roth, com aquele time do Fabiano Cachaça, Christian, Sandoval e Marcelo no clássico 335, o famoso 5 a 2, ou “Cinco Muito”, em 1997. Roth já dera uma lição nos listrados meses antes, quando faturamos o Gauchão num Beira-Rio lotado, com um gol dele, o “predestinado” em gre-NAIS, Fabiano Cachaça.

Impossível esquecer daquele 1997, em se tratando de clássicos. Naquele tempo, o rival dominava a cena e, no ano anterior havia sido campeão brasileiro. Era bi da América. O Inter, patinava. O “super gfpa” levou um banho de bola dentro do Beira-Rio. Foi o primeiro título que tive o prazer de comemorar dentro do estádio!

Depois, veio aquela goleada histórica na casa deles, pelo Brasileiro. Um verdadeiro espetáculo, que também tive o prazer de presenciar ao vivo sentado na fedorenta arquibancada do remendão gazelês.

Portanto, acredito no Inter no gre-NAL deste domingo. Apesar do momento melhor do rival, temos um elenco mais qualificado e mais história que eles. Somos os maiores vencedores deste clássico e sei que o grupo, em se tratando de gre-NAL, entra com mais vontade em campo. E sem essa de que o momento favorece os tricolinos. Em gre-NAL tudo é diferente. Em 2006, éramos favoritíssimos. Perdemos. No clássico decisivo do Gauchão de 1997, eram eles, e saímos campeões. E outras tantas vezes isso se repetiu. Vamos com tudo pra cima deles!

Eu tenho certeza que o Roth vai querer ouvir a torcida pedindo para ele ficar. Mas será, novamente, o grito da torcida colorada.

Que o Inter de Roth e o próprio Roth reencarnem aquele espírito de 1997, quando foi superior ao rival.

Que o time prove que tem condições de vencer fora. Que não teme desafios. Que prove que ainda acredita nos sete pontos de diferença para o líder e que ainda dá para ser campeão. Que seja o Inter que conhecemos de um passado bem recente, de dois meses atrás, e que não se entrega.

gre-NAL dos 5 a 2


gre-NAL do Gauchão 1997