terça-feira, junho 30, 2009

Tenhamos certeza!

Esta noite, procure se deitar cedo, durma bem. Amanhã, acorde tranqüilo, com a energia de quem dormiu o sono dos justos. De quem não precisa questionar os méritos de suas vitórias, de quem tem a serenidade de saber que luta sempre apenas com as armas lícitas do jogo.

Tome um bom café, aproveite a manhã. Estude, trabalha, cuide da família e da casa. Faça carinho naqueles que amas. Ligue, mande um e-mail, deixe uma mensagem para alguém com quem a tempo tu não falas. Organize o que puder e se alimente bem no almoço. Só não exagere. Tome um cálice de vinho, talvez dois. Só não se esqueça de se hidratar também.

À tarde, quem puder, vá logo cedo para o Beira-Rio. Quem for de carro, estacione-o em seu lugar preferido e prepare-se para caminhar. Passe pela Borges de Medeiros, vá até o hotel da concentração do Inter. Carregue contigo, sempre, as mais positivas vibrações.

Ah, isso é importante: vibrações positivas! Limpe sua mente de tudo aquilo de mais impuro que pode haver. Se te vier em mente coisas desagradáveis, concentre-se em coisas boas. Se te lembrares do Luiz Zweiter, pense no Fernando Carvalho. Se te lembrares do Márcio Resende de Freitas, pense no Tinga. Se te lembrares do Kia, pense no Sonda. E se, por acaso, algum gremista te ligar, não atenda! Simplesmente, pense no Gabiru! Eles também pensam, acredite!

Encontre com seus familiares e amigos. Celebre! Sim, celebre o Inter centenário, clube que te orgulha pelos ideais sobre os quais foi fundado. Pense no Rolo Compressor, na construção do Beira-Rio, no time da década de 70, no time Campeão do Mundo.

Lembre-se que hoje, Campeão Sul-Americano, Campeão Gaúcho e em busca do Brasileirão, nosso time pode ainda ganhar mais essa Copa do Brasil. Lembre que mesmo depois de toda a roubalheira de 2005, demos a volta por cima para o mundo todo ver, literalmente.

Contemple o Beira-Rio pelo lado de fora. Confraternize com outros torcedores, cante, vibre, comemore! Contagie a todos ao seu lado com os mais puros e nobres sentimentos que o teu coloradismo te ensinou. Coma alguma coisa leve antes de entrar no estádio e não beba demais.

Entre cedo, vá ao banheiro, acomode-se bem e relaxe. Estique-se um pouco, alongue-se, enfim, prepare-se para uma verdadeira maratona física e emocional. Observe o estádio enchendo lentamente, a euforia contagiante tomando conta de todos e, aos poucos, vá esquentando as tuas cordas vocais. Cante.

Quando estiver próximo do jogo começar, prepare-se, levante-se. Tu não vais mais sentar. Nem mesmo vais perceber. A batalha vai começar e tu és um guerreiro fundamental nessa luta. O Inter conta contigo. O Inter sabe que pode contar contigo. O Inter tem certeza disso!

Quem estive em casa ou em qualquer outro lugar acompanhando o jogo, igualmente concentre-se. Aproveite bem o dia sempre preparando para que, na hora do jogo, nada mais te tire a concentração. Tu também estarás dentro do estádio. Tuas vibrações também chegarão lá. Amanhã, o Beira-Rio irá até cada colorado e cada colorado irá até o Beira-Rio. Mas lembrem-se: sempre pensamentos positivos.

Ainda no primeiro tempo faremos 1 x 0, todos mentalize isso. Talvez logo em seguida já façamos 2 x 0. Pronto, acabou. O segundo tempo será nosso. Mesmo que eles façam um gol faremos outros dois. Tô dizendo, pensamento positivo, amanhã ninguém nos segura.

Se virar 1 x 0, a gente mata eles no segundo. Se virar 0 x 0, também. 2 x 0 até os 30 do segundo e eles não aguentarão a pressão. Talvez demore o segundo gol, mas certamente ele sairá. E se tiver que ser nos pênaltis, que seja. Pensamento positivo. D’Ale faz, Andrezinho faz, Danny faz, Magrão faz e, até lá, o Lauro já pegou dois ou três. Até tu, se tiver que bater um pênalti, amanhã, certamente fará.

E coitado do Corínthians se fizer gol cedo. Ainda mais cedo tomará a virada. Não tem como, não tem jeito, amanhã ninguém segura o Inter, ninguém segura o Beira-Rio, ninguém!

Amanhã, o espírito vai ser esse. Pense sempre positivo, acredite em cada dividida, em cada jogada. Jogue junto o tempo todo, sempre na certeza de que no lance seguinte tudo dará certo. E se não deu, é porque não acreditaste o bastante, não tiveste a certeza que o colorado do teu lado teve. Mas se todos nós, juntos, tivermos certeza, o placar vai acontecer. Eu tenho certeza!

Todos juntos, tenhamos certeza!