quarta-feira, abril 27, 2011

Peñarol e grenais

Sinto falta daquele Titeômetro (era assim o nome?) do blog. Claro, agora não seria mais com o Tite. Falcão seria o avaliado. E eu duvido que as avaliações ficassem abaixo de 4. Quer dizer, há quanto tempo o Inter não marca e ataca tão bem? Tudo bem que não está perfeito, mas provavelmente é a tática a ser aplicada mais rapidamente que eu já vi.

Semana passada eu tinha dito que o Inter estava marcando muito bem e só precisava acertar os passes. Foi o que aconteceu contra o Juventude. E fica extremamente claro que, com o clima bom, o time também fica bom. A torcida e o técnico tem aquela dúvida maravilhosa: qual dos dois meio campistas (Oscar ou Andrézinho) está merecendo a titularidade?

Por enquanto quem ganha é Andrézinho, que vai ser titular contra o Peñarol. E é importantíssimo que o Inter jogue muito bem. Já vi muita gente falando dos épicos 5 grenais em 20 dias. Mas quem não está com coma ou tem amnésia viu o que aconteceu com o Grêmio ontem. Assim como há chances de 5 grenais, há chances de haver apenas 1.

O Inter deve voltar do Uruguai com uma vitória convincente (o que é esperado pela torcida). Ganhar fora é muito importante pois além de elevar a motivação do time, dá uma grande vantagem para um jogo tranquilo em casa. O ruim seria voltar sendo o favorito do Grenal, o que aumenta a pressão e pode acabar, daquela forma que todos já vimos quando o Inter é muito favorito à algo...

P.S.: Abrindo os campos, quem viu Barcelona x Real Madrid hoje? Achei simplesmente uma aula de como queimar dinheiro. Ninguém daquele time do Real deve ganhar menos de 100 mil euros, pra que? Pra dar muita porrada sem sentido e simplesmente levar um banho de bola do Barcelona. Ficou bem claro quem é mil vezes melhor que o outro. E que Messi é o melhor do mundo.