segunda-feira, abril 18, 2011

22 Tudo Vale

O Internacional enfeitiça. Dá um monte de dor de cabeça enquanto te despeja um container de alegria. O tempo todo é uma conta de mais e menos. E nem todas as calculadoras científicas juntas, ou os maiores cérebros eletrônicos do universo identificam as desvairadas incógnitas dessa equação.

Não dá pra compreender certas atitudes em termos normais da psicologia. Tem que misturar um pouco de teologia, sociologia, astrologia e, claro, macumba. As pessoas acabam se odiando e depois, elas se odeiam um pouco mais. Então, um belo dia um único gol e muda tudo. Não sei se realmente passa. Acho mesmo é que mistura tudo e sai no xixi.

Tem também a razão maior Internacional que aproxima pessoas. É esta que te faz repensar a maneira de ver as coisas, lidar consigo, aturar uns e gostar mais de outros. É o que nos mobiliza irreversível e naturalmente.

Os artistas passam, o palco fica.

O Inter é pra sempre, nós somos efêmeros pedaços de grama.

Quero intensamente, junto dos meus amigos, escrever alguma boa e nova história colorada. E nesse momento o capítulo discorre sobre vigorosas explosões de energia dos átomos vermelhos, enquanto retorna à casa um grande ídolo.

Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe.” Oscar Wilde

22 Comentários:

Carlos - Porto Alegre disse...

Que belo texto Diana, palavras marcantes. Quero dizer que ontem no Beira-rio foi um momento mágico o instante que o Falcão seguiu pelo túnel do vestiário e surgiu no gramado, 18 mil vozes gritando "Oooooh, o Falcão voltou, o Falcão voltou, o Falcão voltooooooooou".

PEPINO disse...

é muita paparicaçao com o rei de roma ,mas eu falo japones graças ao fernandao mesmo!mas o inter é maior que todos eles.

. disse...

Parabéns pelo texto.
Um outro assunto: conferi a pontuação de Inter x Juventude desde a primeira e, somando os jogos eliminatórios, o Inter tem um ponto a mais. Sem esses jogos, há empate em pontos. Por que o jogo em Caxias? Desculpem minha ignorância...

AB disse...

a minha primeira dor como colorado foi a final da libertadores de 80. morava em rivera, uruguay, e com 7 anos era fanático. falcão e cia não foram campeões naquela época pq não existia uma mobilização como existe na história recente colorada. na véspera daquela decisão, a direção (pesquisem quem foi...) tornou pública a venda do falcão e jogou a torcida contra o time. na sequência, aumentou o preço dos ingressos para a final, ocasionando que o beira-hell NÃO ESTAVA LOTADO EM UMA FINAL DE LIBERTADORES...
tem toda uma penca mais de dados sobre isso aqui no blog http://bolavermelho.blogspot.com/2007/06/escrito-por-raul-pons-epopia-colorada.html
dá pra notar que o falcão queria muito ganhar o título.
portanto, ainda que sejamos críticos, temos de ter pensamento positivo. ainda que não gostasse do roth, torcia inegavelmente pra que ele ganhasse. ainda que tenha minhas dúvidas de falcão como técnico, vou apoiar ainda mais pq sei que ele é colorado.
aposto que os torcedores, jogadores e direção que estiveram no japão em 2006, contra tudo e todos, tinham o sentimento da vitória consolidado em seus pensamentos e no seu coração vermelho. e foi assim que chegamos lá.
portanto, vamos nos mobilizar e torcer para chegarmos lá.
sds coloradas de um otimista incorrigível

AB disse...

em tempo. belo texto.
a soma da pontuação do turno é que está valendo agora. a soma total vale para as finais.

Cristian disse...

Que boiolagem...

Ainda bem que foi a Diana que escreveu. Hauhauhauhau

Futebol é o velho instinto humano de Guerra, colocado em seu dócil involucro: o esporte. (THIS IS SPARTA!!!)

É a versão moderna, o placo dos novos gladiadores. Lá tem os guerreiros, os artistas, o matador, o artilheiro... Lutar até vencer.

São duas nações psicológicas num embate por território, pela conquista das riquezas (o troféu, o título). Em defesa da "honra". Sem entender isso, não tem como combater a violência nos estádios, por exemplo.

Depois da flauta, concordo num ponto. Todos são meros grãos de areia nesta ampulheta.

Lembrando o velho Sócrates (falando em boiolagem...), conforme Platão escreveu em ‘Banquete’: tudo é a busca da eternidade. Buscamos arraigar com as conquistas e feitos nosso nome para a posteridade, extravasar os sentimentos mais primitivos e libertar a essência de vida que nos move para que ela permaneça além de nossa trajetória.

Voltando pra terra: o futebol pelo futebol não tem sentido prático, mas tudo o que ele envolve e a capacidade que ele tem de motivar as pessoas o torna num meio, antes de esporte de expressão das individualidades.

Tá bom, acabei o artigo!
Qualquer coisa é culpa da Diana... hauhauhau


Abraço a todos.

Paz e Bem!

Unknown disse...

O juventude fez catorze pontos, o inter 13.

tu viu alguma coisa errada aí...

Unknown disse...

Tu fala em instintos mais primitivos remetendo a lutas tribais por territórios, quando isso é algo recente na histório humana, que vem de coletores e nomades. Que mais lutavam pela sobrevivencia do que qualquer outra coisa.

O circo romano certamente não nasce de um instinto (se é que algo assim existe...)

Unknown disse...

Aliás, a primeira reação em caso de perigo é sempre fugir.

Se não houver essa opção é que ocorre o embate.

Cristian disse...

KKKKkkkkkkk

Grande Felipe, miraste no padre e acertou na igreja. Acho que me entendeu errado: em nenhum momento quis dizer que era obra do instinto todo o engenho envolvido, apenas que ele era um estopim, como um senhor de milhares de anos ele provavelmente nos mova na malandragem sem percebemos: como sexo, medo, etc.

Não queria que isso virasse uma discussão pseudo-intelectual (de minha parte)... Mas Coletores e nomades coisa recente da uma longa prosa;

Tudo bem que ainda existem comunidades com este perfil, mas pode remeter a vários milhares de anos também. Até um dos motivos (dizem) que levou a domesticação do cachorro a partir dos lobos foi o seu uso para a caça.

Eu havia pensado nos Anfiteatros Romanos que são parentes dos nossos estádios, não no circo. Mas é uma boa comparação... seria a várzea daqueles tempos. =P

Não sou historiador, antropólogo, ou psicologo. é que este conceito eu peguei emprestado de um livro sobre o tema que fechou com o que eu pensava ha tempoos (este livro aqui ó: http://www.editora.fgv.br/?sub=produto&id=309)

Quanto a fugir ou lutar, depende da situação: no anfiteatro não tem outra a não ser lutar até vencer (ou morrer) =P

Bob Dylan disse...

Diana sempre cirúrgica e habilidosa. Outro belo texto, Diana. Falou tudo.

diana oliveira disse...

kid vicius,

vi "300" e achei um tremendo, digamos, paradoxo.
os caras gritando "this is sparta, uh!uh!uh!" com seus escudos ao alto.
suuuuuper machos, não fosse o fato de usarem uma sunguinha apertada, botas de paquita e peito depilado.
eu hein...

oscar wilde pelo menos se assumiu.

hehe
bjs
diana

Adriano disse...

ps:

quando vi o trailer do filme 300 lembrei na hora do cuecão de couro manoooooooooooo!!! rerererere...

Adriano disse...

futebol é uma cachaça.

é um vicio.

o quéra sabe que no fundo só faz mal mas não vê a hora de dar uma beiçada numa aguardente "seje" da boa ou da ruim hehehe

quem é meio masoquista adora futebol...

tu entrega teu estado de espirito pra pessoas tipo o celso roth.

pode isso????

é,pode.

vejam o causo do nosso colorado.

o time ganha um liberta na raça! mesmo tendo ótimos jogadores no elenco o troço teve que ser meio que na base do sufoco.

mas ganhemo, isso é o que importa.

beleza, agora vamo empareia tudo e no fim do ano o bi do mundo me espera!!!!

que nada, dali em diante é só frustração e raiva!

por que isso???

a cartolagem, os boleiros,os técnicos enganadores e a midia esportiva sabem em 1º lugar que milhões já foram infectados pelo virus da paixão incondicional por um clube de futebol.

sabendo desse contexto se esbaldam com nosso sentimento, nos enganam, nos apunhalam sem nenhum pudor.

mas a cada punhalada parece que o amor aumenta, a paixão triplica e o sentimento de vitória no amanha nos vem a mente mais do que nunca.

ai a gente pensa:

ora bolas não se pode ganhar sempre.

então se eu mesmo me engano, por que não haveria de ser enganado pelos outros.

futebol é isso.

Saulo - Santa Maria/RS disse...

"Si el fútbol es solo un deporte, el corazón es solo un organo."

Rafael Severo disse...

Resumindo: Oscar Wilde não era espartano mas usava cuecão de couro.

Beijo, Diana.

JV disse...

DEICHANDO DE LADO OS DEVANEIOS OU OS QUE ESTEJAM FILOSOFANDO E ATÉ MESMO OS HOMOFÓBICOS ABRAM SUAS MENTES.


"A MENTE QUE SE ABRE À UMA NOVA IDÉIA,JAMAIS VOLTA AO SEU TAMANHO ORIGINAL". ( EINSTEIN)

Marco disse...

Salsadão

Outras partes do corpo que se abrem a novas idéias, também nunca retorno ao tamanho original.

Sem ser homofóbico, só sacaneando mesmo.

huahuahuahuahuahahuauauaua

Marco disse...

Kid

Esta é a tese mais aceita, realmente.

Mas já vi, também, na AE Mundo ou Discovery, que os cachorros rondavam as aldeias humanas para comer as sobras.

Depois de algum tempo, acostumados à presença e comidas humanas, tentavam se aproximar, mas eram rechaçados pelos homens.

Assim, quando estes saíam para caçar, aproximavam-se das mulheres e crianças, faziam aquela carinha apelativa de dó, e acabaram adotados pelas mães.

JV disse...

AO MARCO

OBRIGADO PELA INFORMAÇÃO MARCO.


AFINAL DEVEMOS SEMPRE OUVIR A VOZ DA EXPERIÊNCIA.

Unknown disse...

Kid,

Acho que não me entendeste tbm. tm nenhum momento eu disse que coletores e nomades seria recente, eu disse apenas que se for contabilizar a história humana a maioria esmagadora se dá nessa modalidade, e só recentemente a noção de território e guerras.

Tbm não quero criar nenhuma discussão, é apenas uma opinião por já ter parado pra pensar daonde vêm esse fascínio pelo esporte.

E é natural pensar que é uma necessidade humana que precisa ser satisfeita, baseado nessas disputas tribais.

Mas, na minha opinião, essa conclusão está errada.

kla.jk disse...

Daiana, simplesmente show!

Postar um comentário

Para deixar seu comentário você primeiro precisa registrar no www.Blogger.com ou usar seu Gmail para fazer o Login. Ou ainda criar um perfil no Google (veja link abaixo). Qualquer um desses serve.
________________________________________________

Para colocar LINK faça assim

Se Tu quer criar um Link, use o formato abaixo, só troque os "[" e "]" com < and >:

[a href="http://www.URLdolinkto.com"]Texto para aparecer[/a]