terça-feira, novembro 09, 2010

1° Turno

Na condição de integrante do Convergência Colorada, estive ontem à noite no Beira-Rio, acompanhando o 1° turno das eleições presidenciais do Inter. Foi uma emoção diferente de todas as outras que já senti no estádio. Diferente, inclusive, da inédita e inigualável emoção da noite anterior, no show do Paul McCartney!

Recorde de votação, 311 Conselheiros presentes. 3 Chapas concorrendo e todas ultrapassando a cláusula de barreira (86 votos, 25% do total de Conselheiros). Entre a primeira colocada nessa etapa, Chapa 3, e a terceira, Chapa 2, diferença de menos de 10% dos votos. Resultado final: Giovanni Luigi (Chapa 3) 119 votos, Pedro Affatato (Chapa 1) 96 votos e Sandro Farias (Chapa 2) 90 votos.

Foi muito interessante acompanhar a dinâmica do processo, em especial a apuração e o anúncio do resultado. Mas mais que isso, foi gratificante ver o depoimento do Conselheiro Cláudio Bonatto, na Mesa do Conselho Deliberativo, saudando a participação do Sandro Farias e qualificando sua participação como contrutiva e propositiva. Na sequência, Sandro foi aplaudido de pé pelo Conselho!

Logo após, a repercussão nas rádios que acompanhavam o pleito deu-se no mesmo tom. Repórteres destacando o belo trabalho feito pelo grupo e o potencial dos jovens militantes da política colorada. Ao entrevistarem os candidatos que se enfrentarão no segundo turno, novas palavras de reconhecimento e admiração.

Peço desculpas pela minha parcialidade, ao menos posso afirmar que ela não é velada. Não é segredo para ninguém que sou integrante do projeto Convergência Colorada. Mas o excelente nível do 1° turno, com demonstrações de apreço e confraternização entre os colorados presentes, ainda que de lados opostos na política, me fizeram ter muito orgulho de ter dado minha pequena colaboração.

Agora tudo está nas mãos do associado. Venceu a democracia, não tenho dúvidas! Espero que nós, Convergentes, possamos continuar qualificando, à nossa maneira, a política do Sport Club Internacional, tal qual na noite de ontem.

Espero que a campanha presidencial, bem como a para a renovação de 150 cadeiras do Conselho Deliverativo, se mantenha em alto nível. E espero, também, poder colaborar com esse processo, ao lado de todos os meus amigos colorados. Somos campeões de tudo, inclusive de democracia. Que assim continuemos! É um diferencial positivo em termos de competitividade. E também nesse quesito, estamos à frente do rival.